O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Desenvolvedor afirma que pirataria no iPad é absurdamente maior do que no iPhone

iPhone pirata (jailbreak)

iPhone pirata (jailbreak)No comecinho deste ano, pesquisas afirmaram que Apple e desenvolvedores já teriam perdido mais de US$450 milhões com pirataria na App Store — um número bastante alarmante, mas consideravelmente inferior ao que se perde em softwares para desktops, em geral. É inadmissível imaginar que alguém se dá ao trabalho de “crackear” e outros se acham “espertos” pirateando apps bacanas de US$1 ou US$2, mas infelizmente acontece de monte.

Publicidade

Com a chegada do iPad e apps com preços um pouco acima da média dos que estávamos acostumados a ver em iPhones/iPods touch, qualquer pessoa com bom senso já poderia prever que a pirataria iria aumentar. E é exatamente isso o que está acontecendo, segundo Vladimir Roth, fundador da Qwiboo — desenvolvedora do jogo Aqua Globs HD.

Analisando dados dos rankings OpenFeint integrados ao seu game, Roth estima que 50% das cópias do Aqua Globs HD que correm por aí já sejam ilegais. Antes, a Qwiboo estava acostumada a ver números na casa dos 5%, com relação a pirataria de seus apps para iPhones/iPods touch. Pasme: o Aqua Globs HD — lançado há apenas uma semana — custa apenas US$2 na App Store.

Ao meu ver só há um bom motivo para alguém piratear um app: poder testá-lo antes de bater o martelo, algo que faz muita falta na App Store e que estimulou muitos desenvolvedores a poluírem a loja com versões Lite, gratuitas, dos mesmos apps. O problema é que a parcela dos que realmente compram os apps após testá-los e aprová-los deve ser ínfima… :-/

[via ReadWriteWeb]

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Logo da Apple verde (Greenpeace)

Apple recusa entrar para ranking ambiental da operadora O2, no Reino Unido

Próximo Artigo

Novo vídeo mostra suposta LCD+digitizer do iPod touch de quarta geração

Posts Relacionados