O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Números apontam vendas estagnando na iTunes Music Store, mas apps mais que compensam em lucro

Vendas de apps e músicas; asymco

O asymco publicou hoje um gráfico com informações bem interessantes sobre os negócios da Apple em vendas de aplicativos para gadgets móveis e músicas. Com base em números oficiais e estimativas do preço médio dos apps, já é possível cogitar que a App Store movimente por volta de US$1,8 bilhão em 2010, pouco mais de dois anos desde sua abertura.

Publicidade

Vendas de apps e músicas; asymco

Se a tendência de vendas na loja de aplicativos da Maçã se mantiver durante o ano que vem, não vai ser motivo de espanto vê-la movimentar mais de US$2 bilhões — duas vezes o que Steve Jobs previu alcançar “em algum ponto no tempo”, 30 dias depois das primeiras vendas. Isso o que eu chamo de cautela.

Agora, um pouco de Schadenfreude: note que o gráfico apontando as vendas de músicas sofre uma quebra brutal em setembro de 2009, interrompendo o crescimento nos cinco anos anteriores. Lembra o que aconteceu meses antes disso? A iTunes Store começou a vender faixas por US$1,30 em abril, por causa de pressão externa. Ironicamente, a Apple conseguiu compensar as perdas em um setor (músicas) com os vultosos ganhos em outro (apps), mas e as gravadoras?

Aqui se faz, aqui se paga.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Para o NASA App HD, eu digo: "Houston, we have a problem!"

Próximo Artigo

Joy of Tech: "Entre para o Ping, ou enfrente a música"

Posts Relacionados