Analista não vê ameaça nos concorrentes do iPad; pelo senso comum, é hora de ficarmos com medo

Tablets (com iPad)

Em nota enviada a investidores, Doug Reid, analista da Stifel Nicolaus, elevou levemente o preço-alvo da NASDAQ:AAPL de US$350 para US$360, destacando o sucesso do iPad. Em suas previsões, Reid acredita que a tablet da Apple venderá 5,4 milhões de unidades durante o quarto trimestre fiscal de 2010 — que, por sinal, terá seus resultados oficiais divulgados em 18 de outubro.

Publicidade

Tablets (com iPad)

A respeito dos produtos lançados às pressas para concorrer com o iPad, apenas um está à venda (Galaxy Tab?), mas todos sofrerão com o que Reid chama de desvantajosas tentativas frustradas de integrar tablets com hardware de primeira geração a sistemas operacionais móveis (Android 2.2/3.0, Chrome) que são ou recém-nascidos, ou cuja viabilidade é completamente não comprovada em relação ao iOS da Apple, o qual já tem quase quatro anos. Como analistas quase sempre estão errados, essa afirmação pode significar que algum produto de fato matador está cruzando a esquina metafórica do mercado… :-S

Quanto ao iPod, o analista prevê 9,5 milhões de unidades vendidas, com base na forte demanda gerada pelo evento de 1º de setembro. No mercado de telefonia, 11,6 milhões de iPhones deverão ser vendidos neste trimestre — e outros 13,1 milhões no próximo, graças ao ótimo lançamento do gadget na China.

Publicidade

Os ganhos da Apple no trimestre que acabou no sábado passado, segundo Reid, foram de US$4,15 por ação, com US$19,105 bilhões em vendas. No momento, a NASDAQ:AAPL opera em baixa de 1,07%, cotada a US$284,30 — maldito seja quem começou o boato a respeito do Tim Cook!

[via Fortune Tech]

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…