O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

IDC e Gartner: Apple conquista market share acima de 10% nos EUA com o Mac [atualizado]

Que tempos malucos… A AAPL valendo mais de US$300, Gene Munster desencantado com Macs e agora IDC e Gartner concordando que a Apple finalmente ultrapassou os 10% em market share de computadores nos Estados Unidos? O que vem depois, a J.K.Rowling revelando que o Harry é filho do Voldemort (ou pior: do Snape)?

Publicidade

Market share de computadores no Q32010 - IDC

As tabelas acima mostram o desempenho da Maçã segundo a IDC: a firma de análise estima um crescimento de 24,1% nas vendas de Macs em relação ao ano passado, deixando a Apple com 10,6% do mercado nos EUA. Isso a faria ultrapassar a Acer (10,3%, crescimento anual de 0,1%) em cerca de 50 mil unidades e ocupar o terceiro lugar, abaixo apenas de Dell (23,1%) e HP (24,3%). O mercado como um todo teria crescido míseros 3,8% em relação ao Q3 de 2009, desempenho que é atribuído à economia estagnada e ao iPad.

Na escala global, porém, a Apple ainda não tem participação o bastante para sair da categoria “Outros”. As três maiores fabricantes nesta categoria são HP, Acer e Dell, com 17,7%, 13% e 12,5% de market share, respectivamente. O mercado em geral apresentou um crescimento anual de 10,5%.

Market share de computadores no Q32010 - Gartner

A Gartner, por sua vez, foi menos otimista em relação ao mercado. Segundo ela, o crescimento da Apple foi de apenas 13,7% em relação ao ano passado, o que a deixou com 10,4% do mercado nos Estados Unidos — 17 mil computadores atrás da Acer, que mesmo com uma queda anual de 21% em vendas ficou com 10,5% do mercado (vai entender). O mercado como um todo teria crescido apenas 2,2%, mais uma vez por culpa do iPad e da economia.

Publicidade

No mundo todo, a Apple ainda não teria participação para figurar entre os seis maiores vendedores, que foram HP (17,5%), Acer (13,1%), Dell (12,2%), Lenovo (10,4%), ASUS (5,4%) e Toshiba (5,3%). A indústria como um todo teria crescido só 7,6%, ainda assim bastante concentrada na Ásia, enquanto Europa e EUA sofrem a influência do iPad e da promessa de novas tablets, que deixaram os consumidores em “modo de espera”.

Eu me pergunto o que acontece se você adicionar os números do iPad nessas tabelas: será que a Apple sai dos “Outros”? Só pra lembrar: os números oficiais da Maçã saem no dia 18 (antevéspera do evento “Back to the Mac”). Não deixe de conferir ambos aqui. 😉

[via Electronista: 1, 2]

Atualização

Eu devo reconhecer que fiz a pergunta do final do post premeditadamente: eu já sabia que Horace Dediu, o asymco, não ia ficar quieto sem antes adicionar os números do iPad a essas estimativas. Ou melhor, às suas próprias estimativas para o mercado mundial.

Vendas de computadores/iPads - asymco

Realmente a Apple sai do “Outros”: contabilizando o iPad como um PC, os parcos 4% de market share mundial da Maçã mais que dobram, indo para 10% — não quero nem ver como esse número ficaria nos EUA. 😛

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Fábrica da Foxconn

Hon Hai poderá aumentar preços para Apple e outras empresas de tecnologia [atualizado]

Próximo Artigo

Rapidinhas do MM: Mossberg testa Office 2011, update no Skype para iOS, Gmail no Mail e mais

Posts Relacionados