O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Num universo paralelo, você estaria jogando Halo: Reach num Mac

Master Chief

Quem diria… Em 2000, a Bungie era uma desenvolvedora de jogos bastante comprometida com o Mac. Prova disso é que a primeira aparição de Master Chief, o Chuck Norris da série Halo, foi numa Stevenote. Duvida?

Publicidade
[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=Tzrme9yWens[/youtube]

Logo da Bungie

Imagine a fúria de Jobs quando a Microsoft comprou a Bungie por US$30 milhões — e imagine a raiva maior ainda, agora que Halo gerou pra lá de US$1 bilhão para a Microsoft, como jogo para Xbox (360) e PCs. Pra você não ficar só na imaginação, o antigo vice-presidente de publicação de jogos da Microsoft, Ed Fries, contou à Develop detalhes desse período em que a gigante de Redmond adquiriu a Bungie e a Rare.

Publicidade

“Assim que anunciamos a compra da Bungie, Steve Jobs ligou”, contou Fries. “Ele estava louco com o [Steve] Ballmer e ligou pra ele com raiva por termos acabado de comprar a maior desenvolvedora de jogos pro Mac e a tornado uma desenvolvedora do Xbox.”

Ballmer então teria pedido que Fries aplacasse a ira de Jobs e o resultado disso foi um acordo que permitiu o lançamento de alguns jogos (inclusive o primeiro Halo, com atraso) para Mac.

Será que isso vai se repetir com outras desenvolvedoras de jogos, ou a Apple vai dar um bom uso à sua montanha de dinheiro guardada?

[via 9 to 5 Mac]

. . .

Publicidade

Uma curiosidade adicional, cortesia do Ars Technica: sabia que a Electronic Arts só existe porque um de seus fundadores levou um “não” de Steve Jobs na cara?

“Não fosse por Steve Jobs ter basicamente dito ‘Não me faça perder tempo com jogo’, não teríamos a Electronic Arts”, Joseph Olin contou ao Ars durante uma E3. Ironicamente, os jogos de maior sucesso na App Store são justamente aqueles que fazem você perder tempo… 😛

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Mac mini em mãos

Apple Brasil reduz desconto educacional do Mac mini sem razão aparente

Próximo Artigo
Novos MacBooks Air de frente

Novos benchmarks mostram que MacBooks Air de fato são páreo até mesmo para MacBooks Pro

Posts Relacionados