O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Um efeito colateral benéfico da iAd foi oxigenar o mercado da concorrência

Logo do iAd

Logo/ícone do iAdLogo que a Apple anunciou sua entrada no mercado de publicidade móvel com sua rede oficial iAd, o mercado se agitou: “quer dizer que esse segmento é promissor a ponto de despertar o interesse da Maçã?”, muitas grandes empresas pensaram. O resultado foi que, como o pessoal de Cupertino não dá conta de (e nem tem interesse em) atender todo mundo que quer ter uma propaganda num app de smartphone, acabou sobrando para a concorrência.

Publicidade

Isso aconteceu justamente por uma mudança de percepção em grandes empresas, conforme conta o Wall Street Journal. O mercado de publicidade móvel começou a ser mais visado e até recursos que seriam alocados em propagandas para a TV acabaram sendo redirecionados para peças que apareceriam em gadgets como o iPhone ou Androids. A entrada da Apple, em vez de asfixiar, fez foi legitimar o mercado — agora imagine o que teria acontecido se fosse a Microsoft. 😛

Por focar-se em clientes de nível altíssimo e cobrar taxas mais altas ainda, a Maçã acabou permitindo que empresas como AdMob (Google), Medialets, Crisp Wireless e 4INFO ganhassem atenção de quem não tem bolsos tão fundos quanto, digamos, uma Nissan da vida. Isso sem contar com empresas que ficam frustradas com a demora e o controle excessivo exercido pela Apple e decidem abandonar o barco — como a CHANEL, que acabou recorrendo à Medialets e já teve um anúncio interativo veiculado no app do New York Times.

Apesar disso, não podemos afirmar que a gigante de Cupertino está de brincadeira nesse segmento: após começar a instalação de sua equipe num escritório maior, anunciar a expansão da iAd para o Japão (em breve também pra Europa, isso se já não estiver rolando) e às vésperas de adicionar milhões de iPads à lista de gadgets compatíveis com suas “propagandapps” (adapps?), a concorrência vai ter que correr mais e mais rápido para não ficar para trás.

“Quando a Apple entra na jogada, ela eleva os padrões para todo mundo”, disse Phuc Truong, da Mobext. “É como uma maré alta que faz todos os barcos subirem.”

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Vídeo: Microsoft Kinect é hackeado e já roda num Mac

Próximo Artigo
AirPlay e gadgets com iOS 4

Apple pode ter desistido de oferecer suporte ao AirPlay em iPhones 3G com o iOS 4.2

Posts Relacionados