O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Lenda lendária: a reação da Research In Motion diante do primeiro iPhone foi o.0

Bateria do primeiro iPhone

Se esta história é fato ou ficção, eu não sei — e nem me importa tanto assim, o que vale é que ela é hilária. Segundo um comentário no Shacknews assinado por um suposto ex-funcionário da Research In Motion, a reação da fabricante canadense diante do anúncio do primeiro iPhone foi de completa descrença. O choque teria sido tão grande que chegaram a cogitar que o gadget nunca poderia fazer as coisas demonstradas por Steve Jobs e ter uma bateria com autonomia que não fosse risível.

Publicidade

Aí, em junho, abriram um iPhone e encontraram isto:

Bateria do primeiro iPhone

O aparelho era uma bateria com uma placa lógica, e não o contrário.

Numa indústria que acreditava que telefones nunca poderiam ser mais que um pager, por limitações técnicas de armazenamento de energia e transmissão de dados, o iPhone caiu como uma bomba, deixando não apenas a RIM, mas também a Microsoft e muitas fabricantes, embasbacadas com a elegância por trás do hardware. Ninguém imaginava que um verdadeiro computador de bolso, ainda mais com um navegador do nível de desktops, fosse viável em 2007.

Publicidade

Agora eu dobrei de rir ao ler esta frase do relato: “A Apple praticamente deu o dedo pra todo mundo e disse ‘Vão se f****, nós podemos construir hoje o que pra vocês é só um futuro distante e impossível’.”

[via Eectronista]

* “Lendas Lendárias”, para quem joga RPG há vários anos, deve soar como algo familiar. Li essa expressão pela primeira vez, se bem me lembro, numa seção da revista Dragão Brasil. Uma “lenda lendária” é, stricto sensu, um “causo” que tenha se passado com um personagem numa sessão de Dungeons & Dragons ou outro RPG de mesa.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Victor Pauca

Mais uma história de superação envolvendo crianças com necessidades especiais e o iPad

Próximo Artigo
Ativações do Facebook para iOS

Efeitos do Natal: apps para iOS veem picos de atividade no dia de recebimento de presentes

Posts Relacionados