O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Patenteie para travar: sistema de som estéreo para gadgets e mais

Patente de gadget com som estéreo

Atualmente, os gadgets da Apple em geral têm alto-falantes mono (ou seja, são capazes de reproduzir apenas um canal de áudio), só que vivemos num mundo estéreo, pois temos duas orelhas. Só que, tendo em vista que “não existe forma errada de segurar um iPad”, seria um problema colocar dois alto-falantes no gadget e eles acabarem ficando na vertical, de cabeça pra baixo ou, pior ainda, cobertos pela mão do usuário.

Publicidade

Patente de gadget com som estéreo

Para resolver esses problemas, a Apple publicou uma patente que descreve como um gadget poderia, por exemplo, detectar sua orientação através do uso de um acelerômetro, bússola, sensor inercial ou câmera de reconhecimento facial (overkill, hein?), ajustando a saída de áudio de acordo com sua posição percebida.

Patente de gadget com som estéreo

Mas só isso não bastaria: pelo menos três fontes de som são necessárias para que um gadget pudesse reproduzir dois canais de áudio laterais tanto na vertical quanto na horizontal (pois, ao contrário das orelhas das corujas, as nossas são simétricas). Uma das ilustrações da patente mostra um esquema com quatro alto-falantes compostos por dois drivers distintos cada.

Publicidade

Um arranjo desses daria aos gadgets da Maçã um diferencial interessante, pois proveria uma qualidade de som superior, mesmo sem fones de ouvido. Tendo em vista os rumores que mencionam um iPad de segunda geração com alto-falante avantajado, é de se supor que o próximo passo seja, de fato, adicionar som verdadeiramente estéreo e de qualidade — mesmo sem fones de ouvido.

Só não quero imaginar pessoas usando isso no volume máximo dentro de um ônibus lotado. 😛

Publicidade

· · ·

Outras patentes publicadas hoje incluem um invento que trata de reconhecimento de fala aplicado a transcrições (quando o computador deve escrever exatamente o que a pessoa diz), um sistema de agendamento de reprodução de mídias (que pode acabar num sistema de DVR para o Apple TV) e um método de segurança para evitar códigos maliciosos inseridos em conteúdo proveniente de terceiros (como um malware inserido em meio ao conteúdo de um site).

[via Patently Apple]

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
AAPL - 7 de janeiro de 2011

Ações da Apple voltam atingir novo recorde e acumulam alta de 4,2% na semana

Próximo Artigo

Vídeo: Android "Gingerbread" 2.3 roda num iPhone 3G

Posts Relacionados