O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Lima Sky, criadora do Doodle Jump, quer ter direitos exclusivos sobre a palavra “doodle”

Ícone do Doodle Jump

Ícone do Doodle JumpOh, vida! Não careces jamais de senso de ironia. A desenvolvedora Lima Sky, responsável pelo bem-sucedido joguinho Doodle Jump [US$1; 19,1MB; requer o firmware 3.0 ou superior] começou uma verdadeira caça às bruxas na App Store: os responsáveis por jogos com “doodle” (rabisco) no nome estão recebendo mensagens da Apple avisando-os sobre infração de trademark.

Publicidade

Sim, senhor: os criadores do Doodle Jump (um jogo original) estão querendo que todos os apps com essa palavra no título sejam alterados, pois o substantivo comum a marca “doodle” pertence (ou pertencerá) à Lima Sky.

Vamos esquecer por um momento que o jogo dela é uma cópia descarada (mas mais bonitinha e simpática, verdade seja dita) de PapiJump [gratuito; 1,5MB; requer o iOS 3.0 ou superior] e que este estilo de arte é usado em jogos desde a aurora dos tempos — tanto que apps anteriores ao Doodle Jump já usavam “doodle” no título.

Hoje mais cedo falamos sobre a Apple querendo registrar “App Store” como marca própria, algo que é meio torpe, já que são duas palavras comuns, mas anos-luz menos torpe que o Facebook querer registrar “face” (rosto) ou esta demonstração de mesquinharia da Lima Sky. Sério? Ameaçar criadores de apps que não têm nada a ver com o seu só por causa da palavra “doodle”? Isso me lembra o bafafá em torno do Edge.

Publicidade

Já pensou, uma marmota dessas no tempo do Star Wars e do Star Trek? Alguém ia acabar querendo ser dono da palavra “star”. :-/

[via Touch Arcade]

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Apple e outras são processadas por infringir patente de iluminação traseira de displays

Próximo Artigo

T-Mobile lança comercial de ataque ao iPhone 4 na Verizon Wireless (e, de quebra, na AT&T)

Posts Relacionados