O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Rumor: Steve Jobs poderá aparecer de surpresa na keynote de amanhã [atualizado]

Convite do evento do iPad 2

Convite do evento do iPad 2O site italiano setteB.IT deu uma polemizada ao anunciar que, segundo suas fontes, ninguém menos que Steve Jobs estará presente no evento de amanhã, da apresentação da segunda geração do iPad. Não há detalhes sobre como seria a aparição de El Joboso, se ele apresentaria o evento, seria apenas uma presença ilustre na plateia ou se executaria manobras aéreas usando um jato nas costas.

Publicidade

Ei, ele é o homem mais poderoso da indústria de tecnologia: se existe alguém no mundo que pode fazer isso, é o Sr. S.P.J.

De qualquer forma, a grande estrela do dia há de ser o iPad de segunda geração — a não ser que Phil Schiller, Tim Cook e/ou Scott Forstall conduzam a keynote de forma épica e inesquecível. Difícil, mas não impossível. Impossível seria o Jony Ive falar mais de uma dúzia de palavras no palco, ao vivo. 😛

Publicidade

Enfim, estou divagando. Brian White, da Ticonderoga Securities, acredita que o evento de amanhã será crucial para a Apple por uma série de motivos, um dos quais será mostrar como sua equipe cuida do lançamento de um produto sem a presença de sua Miranda Priestley para pôr tudo nos eixos (e colar o G no S). Outra razão, porém, envolve a ameaça das tablets com o Android 3.0 “Honeycomb”.

“Estimamos que bem mais de uma centena de tablets chegarão ao mercado mundial neste ano”, disse White. “Assumindo que um novo iPad seja revelado neste evento, acreditamos que a Apple vai ter que comprovar claramente por que o iPad 2 é melhor que a pletora de competidores chegando ao mercado, enquanto ao mesmo tempo persuade os donos de iPads 1 a comprarem o 2.”

“Comprovar”? A Apple não precisa “comprovar” nada! Quem precisa “comprovar” alguma coisa é a concorrência, que depende de tecnologia um ano mais avançada que a da Maçã para poder construir algo que quase chega a ser mais atraente que um iPad. “Quase”, pois só os preços desses iPad-killers já são de matar qualquer um. Eles deveriam ser chamados de wallet-killers, isso sim, sendo vendidos caros e ainda acorrentando o usuário a uma operadora de telefonia celular, como se fossem smartphones gigantes — se bem que, em alguns casos, são mesmo.

Publicidade

Estou divagando de novo. White estima que serão vendidos 27,36 milhões de iPads no ano fiscal da Apple (entre outubro de 2010 e setembro de 2011), uma previsão que ele mesmo classifica como “conservadora”. O total de receitas geradas pela tablet ficaria em pouco menos de US$17 bilhões. Nada mau, para um produto que estará apenas em seu segundo ano de existência.

[via 9 to 5 Mac, AppleInsider]

Atualização (às 15h16)

Kara Swisher, do AllThingsD, acaba de ratificar esta história: Steve Jobs estaria, de fato, cogitando fazer uma aparição no evento de amanhã. O CEO da Apple não ficaria à frente da keynote, mas teria uma breve participação no palco com outros executivos da empresa.

Nada está confirmado, porém: nas próximas 24 horas tudo pode mudar e a presença de Jobs pode ser cancelada. Torçamos para que ele apareça — não tenho dúvidas de que a ovação será épica.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Ícone - Peter Parrot

Ginga Mobile lança Peter Parrot, um app muito divertido para iPads e iPhones/iPods touch

Próximo Artigo
HTML5

MeFeedia: 63% dos vídeos em H.264 estão disponíveis na internet via HTML5

Posts Relacionados