iSuppli acredita em maior queda na produção do iPad 2 devido à falta de componentes no Japão

iPad 2 desmontado pela iSuppli

Já sabemos não será fácil para a Apple lidar com a situação atual enfrentada por países asiáticos devido ao desastre no Japão, mas as coisas deverão ser ainda piores para o recém-lançado iPad 2. De acordo com a iSuppli, que analisou uma unidade completamente desmontada da nova tablet, cinco empresas japonesas fornecem componentes para a sua produção.

Publicidade

iPad 2 demonstado por iSuppli

Entre as peças estão os módulos de memória NAND flash (fornecidos pela Toshiba), memória RAM, a bússola eletrônica, um dos painéis de vidro usados para a produção da tela multi-touch da tablet e a bateria, que é desenvolvida/fabricada pelos engenheiros e cientistas da Apple no Japão. Algumas fábricas dessas empresas não foram afetadas pelos desastres, mas a condição logística do país dificultará tudo da mesma forma.

Acredita-se que as memórias possam ser obtidas a partir de fornecedores diferentes, mas a Apple não conseguirá firmar contratos com outras empresas facilmente na situação atual. Não há como saber como essas informações podem prejudicar a produção do iPad 2; até o momento, o único país que não o receberá conforme previsto é o próprio Japão, afetado diretamente pela tragédia.

[via AppleInsider]

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…