O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Steve Jobs deixou o cargo de CEO na Apple — e, no entanto, ela gira!

Êta, agosto: o Google comprou a Motorola, a HP desistiu de fabricar PCs e gadgets e Steven Paul Jobs não é mais CEO da Apple. Que coisas bizarras de escrever.

Publicidade

*grilos*

Quer saber? Acho que ele nunca foi. Da mesma forma que a Julieta perguntou, lá na sacada, “O que há num nome?” eu posso perguntar “O que há num cargo?” Seja qual for a função oficial de um CEO numa empresa, acredito que Jobs não a desempenhava na Apple. Ele era muito, muito mais que um CEO. Ele sempre foi e, pode acreditar, sempre será o Steve. El Joboso. O homem é o próprio cargo, ponto final.

E continuará sendo, enquanto houver um sopro de ar nos pulmões dele, estou bem certo. Jobs parece ser o tipo de pessoa que trabalha por amor. Ora bolas, o cara colocou o FaceTime em Macs, iPods touch, iPhones e iPads pra quê? Pra poder ficar em contato permanente com o pessoal de Infinite Loop sem precisar estar lá o tempo todo nem ter que pagar os tubos para operadoras incompetentes. Consigo até ver a cena: “Ive, mostra o protótipo do iPhone 7. … Tá uma bosta, faça outro.” E lá se vai o Jony, pras impressoras 3D de novo. 😛

“Tim, é assim que se aponta o dedo LIKE A BOSS!” “Eu sei, Steve.”

Publicidade

Agora é hora de perguntar: se Jobs não era o CEO, quem era? Fácil: o Cook. Mesmo com o cargo de COO, Tim Cook já devia há anos desempenhar exatamente as funções de diretor executivo na Apple. Quem foi que substituiu o Jobs durante as licenças médicas? Quem é que está fazendo a Maçã funcionar feito um relógio suíço? Quem foi que nos ensinou a palavra “monopsônio”? E quem tem o cargo oficial de CEO agora?

Amanhã o sol vai nascer e seu Mac vai acordar do modo sleep, o alarme do seu iPhone vai tocar (afinal de contas, não estamos no horário de verão!) e seu iPod vai continuar reproduzindo músicas. Vai ser uma pena se não tivermos mais Stevenotes para copiar descaradamente em apresentações de trabalhos de conclusão de curso ver, mas não é só disso que a Apple é feita. A Apple é feita de milhares de homens e mulheres que trabalham duro todos os dias para nos proporcionar experiências mágicas e revolucionárias em produtos deliciosos de usar. (Ei, caras, um abração pra vocês que trabalham na Maçã! Vocês são todos heróis anônimos.)

Trabalhe na Apple

Vai ser interessante ver a NASDAQ:AAPL despencando amanhã, só para quicar no instante em que alguém no pregão disser “Ei! Meu iPhone ainda funciona!” e outra pessoa responder “E minha mulher acabou de mandar um email do iPad dela.” Quando bater a realidade e os investidores perceberem que a Apple tem mais de um funcionário (assim como a Seleção Brasileira de Futebol tem mais de um jogador), tudo voltará a ser como sempre foi.

Publicidade

Ou melhor, mentira: nada vai ser como antes. Se tem uma coisa que o Jobs criou foi uma empresa capaz de produzir um futuro completamente diferente de tudo o que já vimos. Estamos só dando mais um passo em direção a ele e, mano, o próximo evento da Apple vai ser TUDIBÃO. 😉

And that, as they say, is that.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Steve Jobs

Apple anuncia que Steve Jobs não é mais o seu CEO [atualizado 4x]

Próximo Artigo
Steve Wozniak e Steve Jobs

Analistas já reagem à renúncia de Jobs ao posto de CEO da Apple [atualizado]

Posts Relacionados