Operadora de Singapura começa de fato a vender iPhones 4S sem câmeras

iPhones sem câmera

Há uma semana, falamos a respeito da M1, uma operadora singapuriana que pretendia vender iPhones 4S (além de outros aparelhos) sem câmeras. Naquele mesmo dia, o anúncio do aparelho “capado” tinha sido retirado do ar. Contudo, conforme a CNET Asia noticiou, eles voltaram:

Publicidade

iPhones sem câmera

Os módulos de câmera (frente e verso) são completamente removidos, e não apenas cobertos — eles não podem ser reinstalados. O serviço foi certificado pelo Ministério da Defesa de Singapura, o que significa que o uso desses aparelhos será permitido em instalações militares. A medida “beneficia” soldados e homens do país, que são obrigados a cumprir dois anos de serviço militar.

iPhones sem câmera

A operadora M1 emitirá um certificado para cada aparelho, identificando-os como “aprovado pelo Ministério da Defesa”. Ela cobra ainda uma taxa de cerca de US$38 em cima dos modelos modificados. Além disso, por interferir no hardware do produto, a garantia da fabricante (no caso, Apple) é violada — se o cliente quiser, poderá pagar cerca de US$250 para uma garantia extra, provida por outra empresa.

[via The Next Web]

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…