O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Review: iPen é uma stylus para iPad controlada por software

Eis mais um projeto do Kickstarter que não teve problemas em arrecadar fundos para sair do papel. Com um nome que não deixa dúvidas, a iPen é uma stylus para iPad com o diferencial de ter uma resposta reconhecida via software, e não via hardware.

Publicidade

Como funciona? Um pequeno acessório (receptor) é conectado no iPad e é ele que identifica a posição da ponta da canetinha. Desta forma, os movimentos para traçar/escrever com a iPen acabam sendo “interpretados” de forma bem mais precisa.

A principal vantagem é bem clara: a precisão! Para escrever com letra de mão, fórmulas e funções matemáticas ou mesmo desenhos mais detalhados, faz uma diferença bem grande no resultado final quando comparada às pontas grossas da concorrência. Pra ter uma ideia da diferença, não é preciso encostar a ponta da caneta na tela para saber onde ela está, facilitando posicionar o acessório no ponto certo da página digital.

Publicidade

Por outro lado, as desvantagens também têm peso.

Publicidade

✔ PRÓS

  • Precisão no traço.
  • Boa solução para apoiar o punho sem problemas.
✘ CONTRAS

  • Preço alto.
  • Necessidade de ter apps compatíveis.
  • Só funciona com o iPad.
  • Precisa de baterias.

A lista de contras está maior, mas isso não impediu de esgotar o estoque de iPens nos primeiros dias de venda.

Publicidade

Seria esse o primeiro passo para o iPad servir como uma mesa digitalizadora? A Wacom, que já está investindo nesse mercado com sua stylus e app (Bamboo Paper) oficiais, poderia muito bem aproveitar a suposta nova resolução do iPad 3 para trazer um produto desse tipo e integrá-lo com Macs, por exemplo — eu quero!

O produto está sem estoque, mas seu preço era de US$80 (fora o frete). Comparando com o preço médio entre US$15 e US$30 das concorrentes, é um investimento que precisa ser pensado, principalmente pelas (ainda) poucas opções de compatibilidade com apps.

Pra finalizar, vou acrescentar que já testei quatro marcas de styli: Pogo, Targus, Griffin e Wacom. Destas, a Pogo é a única que não recomendo de jeito nenhum, pois teve um resultado péssimo! Entre as demais, aprovo e recomendo para quem curte desenhar ou mesmo fazer anotações no querido iPad; o único diferencial entre ela é que a Wacom é um pouco mais pesada, então pode dar mais segurança no traço, mas nada muito diferente. 😉

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Pilotos usando iPads em avião

Ah, veja só: Força Aérea dos Estados Unidos compromete-se a comprar 18.000 iPads

Próximo Artigo
AAPL - 2 de março de 2012

↪ Com mais uma alta na NASDAQ, Apple fecha a semana com market cap mais de US$100 bilhões à frente da Exxon Mobil

Posts Relacionados