Autoridades chinesas estão ajudando a Apple a combater cambistas de iPads

Bandeira da China

Bandeira da ChinaO lançamento bem planejado do novo iPad ajudou (e muito!) a Apple a combater o mercado de cambistas. Contudo, a Reuters trouxe outro importante elemento para essa equação: autoridades chinesas estão pressionando empresas de transporte para que elas não aceitem pedidos de remessa de iPads.

Publicidade

Além disso, a tablet da Apple agora está na lista de itens tributáveis ao entrar no país — pessoas que compram o gadget precisam declará-lo, pagando uma taxa de 10% de imposto.

Cambistas que antes chegaram a faturar entre US$50 e US$100 para cada iPad enviado à China mal conseguiram lucrar com o lançamento do novo iPad. De acordo com um deles, que em lançamentos passados despachou mais de 1.000 unidades, “o jogo acabou”.

[via MacRumors]

Posts relacionados

Comentários