Ações da Apple fecham em novo recorde histórico mesmo após rebaixamento de analista

AAPL - 9 de abril de 2012

As ações da Apple [NASDAQ:AAPL] subiram 0,4% nesta segunda-feira (em relação ao fechamento da quinta passada, já que sexta-feira foi feriado) e fecharam o dia num recorde de US$636,23.

Publicidade

AAPL - 9 de abril de 2012

A máxima durante o pregão também foi histórica: US$639,84. Com isso, o valor de mercado da companhia pulou para US$593,2 bilhões — uma nova alta de pelo menos 1,15% é tudo o que a Apple precisa para superar os US$600 bilhões em market cap.

É interessante notar, porém, que a boa performance ocorreu num dia em que algo muito raro ocorreu: um analista *rebaixou* a sua classificação dos papéis da empresa, de “Compra” para “Neutro” — conta o Business Insider. Ele também removeu o preço-alvo de US$600, até porque ele já foi superado há bastante tempo.

Publicidade

Walter Piecyk, da BTIG Research, acredita que o trimestre fiscal atual da Apple será mais uma vez incrível, mas que daqui pra frente as notícias não serão boas para a companhia. Entre os motivos para tal, ele afirma que operadoras de telefonia celular pressionarão as margens da Apple e que novas políticas reduzirão as vendas de aparelhos como o iPhone.

Para o trimestre corrente, Piecyk prevê um faturamento de US$40 bilhões, com US$10,75 em ganhos por ação diluída — ambos os números bem acima da média de Wall Street, que é de US$36 bilhões e US$9,81, respectivamente.

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…