O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Envolvida indiretamente em uma ação coletiva, Apple não quer liberar informações sobre acordos com gravadoras musicais

Logo - Universal Music Group

As notícias judiciais envolvendo a Apple não param. De acordo com o The Hollywood Reporter, a Maçã está envolvida em uma ação coletiva contra o Universal Music Group, já que os reclamantes exigem a liberação das apresentações do julgamento, relatórios de peritos e depoimentos de executivos como Steve Jobs (falecido cofundador e ex-CEO da Apple) e de Eddy Cue (vice-presidente sênior de softwares e serviços de internet).

Publicidade

Logo - Universal Music Group

Só que a Apple não ficou nada feliz com isso. Os depoimentos foram dados em uma disputa envolvendo a F.B.T. Productions e Afermath Records, uma divisão do UMG. Embora o julgamento do caso esteja próximo, a Apple está se opondo à liberação das informações, afirmando que elas são extremamente confidenciais.

Para termos uma ideia da coisa, a Apple afirma que, para o depoimento de Jobs perante o júri, o juiz ordenou que diversas pessoas se retirassem da sala do tribunal — incluindo empregados do UMG. Enquanto isso, a transcrição foi arquivada em segredo.

Publicidade

A ação coletiva, aberta por músicos como Rob Zombie e Rick James, mais uma vez questionam as receitas de vendas de músicas online. Veremos o desenrolar dessa história.

[via 9to5Mac]

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Dia das Mães na iTunes Store

Apple dá dicas de presentes para o Dia das Mães

Próximo Artigo
Calvin/garoto fazendo xixi

Garoto urina em MacBooks e dá prejuízo de US$36 mil a escola, nos Estados Unidos

Posts Relacionados