Barclays: Apple venderá 57,2 milhões de iPads em 2012, 77% a mais que em 2011

Logo do Barclays

O analista Ben Reitzes, do Barclays, está otimista sobre o desempenho da Apple, afirmando que ela vai continuar tirando os lucros da indústria de PCs tradicionais e do mercado de telefonia, ao mesmo tempo que mantém a dianteira no segmento de tablets.

Publicidade

Novos iPads (branco e preto)

Para Reitzes, tanto o terceiro trimestre fiscal da Maçã (FQ3 2012, o atual) quanto o quarto serão beneficiados pela boa distribuição do novo iPad, o que compensará as suaves vendas do iPhone no período, já que grande parte dos consumidores vai começar a esperar pelo novo modelo de smartphone da Apple. Além disso, ele é mais que acredita na possibilidade de um “iPad mini”, com tela de 7 polegadas.

Suas projeções indicam vendas de 14,2 milhões de iPads para o atual trimestre fiscal e 15,9 milhões para o FQ4 2012, resultando em vendas anuais de 57,2 milhões para 2012 (77% a mais que no ano anterior). Para 2013, as estimativas são de 78,5 milhões, um aumento sequencial de 37%. Ele manteve sua classificação de compra para as ações da Apple assim como seu preço-alvo de US$750 — a NASDAQ:AAPL fechou ontem em baixa de 0,23%, valendo US$568,18.

Publicidade

Para finalizar, Reitzes acredita que o iPad está canibalizando as vendas de PCs, o que significa que a Apple não irá investir em um produto “híbrido” (PC + tablet, com uma espécie de tela destacável), como algumas empresas estão fazendo — sem dúvida, esse produto tem a cara da Apple. 😛

[via Barrons.com]

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…