Analista: problemas de fornecimento atrapalharam as vendas de iPads no fim de 2012

iPad mini (by Minimally Minimal)

Em 23 de janeiro a Apple divulgará seus resultados financeiros referente ao primeiro trimestre fiscal de 2013 (outubro a dezembro de 2012). Muitos analistas já fizeram suas apostas, inclusive Mark Moskowitz, do J. P. Morgan. Mas ele decidiu rever seus números.

Publicidade

iPad mini (by Minimally Minimal)

Moskowitz reduziu sua previsão de vendas de iPads de 20,1 para 18,4 milhões. O motivo para isso não teria relação com demanda, e sim com o fornecimento de componentes — ele afirma que as coisas só se normalizaram no fim de dezembro. Para o analista, trata-se de um quebra-mola no caminho da Maçã, ou seja, tudo voltará ao normal em breve. Contudo, ele aguarda pelo resultado e, quem sabe, por uma explicação da empresa para os possíveis números.

Moskowitz acredita que o número de iPads vendidos é importante pois o produto será, em breve, o alicerce da Apple, já que as margens do iPhone começarão a cair nos próximos anos devido ao amadurecimento do mercado de smartphones. Ele acredita que as vendas de telefones inteligentes crescerão 30,5% em 2013 e o iPhone, 28,6%.

[via CNET News]

Posts relacionados