Usuários de iPhones veem duas vezes mais vídeos na web do que os de Android; como pode?

iOS vs. Android em vídeos na web

A moda dos haters nos últimos meses é vomitar por aí que “o Android está ganhando”. Pesquisas diversas — algumas baseadas em informações de fornecedoras asiáticas, outras em observações feitas nos pontos de vendas e outras em entrevistas com consumidores — apontam que, de fato, o sistema operacional móvel do Google já está bem à frente do da Apple dentro do segmento de smartphones.

Publicidade

Deixando de lado aqui a comparação esdrúxula de colocar o iPhone contra todas as fabricantes de aparelhos que usam Android, juntas, o que é curioso é que certos números simplesmente não batem. Como pode, por exemplo, o iOS ter quase o triplo de market share em navegação na web, em relação ao Android? Estamos falando aqui de algo prático e concreto, baseado em dados de visitação de mais de 160 milhões de usuários em 40 mil sites do mundo inteiro, compilados pela Net Applications.

Para quem não ficou satisfeito com isso, trazemos agora outros tão concretos quanto. Veja só:

iOS vs. Android em vídeos na web

Clique na imagem para ampliá-la.

O gráfico acima compara a fatia de iOS vs. Android na visualização de vídeos pela web via mobile, segundo dados da Ooyala compilados a partir da observação dos hábitos de mais de 200 milhões de usuários únicos em 130 países diferentes.

Publicidade

Alguém poderia me explicar, por favor, como que o iPhone, hoje supostamente tão atrás de todas as fabricantes do Android em vendas de smartphones, teve em 2012 o *dobro* de visualização de vídeos pela web? O pequeno gráfico à direita, da IDC, já mostra o quanto isso é discrepante e um tanto inexplicável.

O Android é um sistema tão capaz para reprodução multimídia quanto o iOS, né pessoal? Os smartphones também são equipados da mesma forma com Wi-Fi e conectividade 3G, muitos já inclusive com 4G LTE. O maior portal de vídeos do planeta, o YouTube, é do próprio Google — quem desenvolve o Android e fez questão de integrá-lo profundamente por lá.

Publicidade

Será que os costumes entre usuários das duas plataformas é tão diferente assim? Ou será que as metodologias de pesquisa precisam ser repensadas, considerando que a Apple é a única que, trimestre após trimestre, divulga números oficiais e concretos de vendas?

Aos interessados, a pesquisa completa da Ooyala [PDF] traz outros dados muito interessantes sobre o consumo de vídeos na web.

[via AllThingsD]

Posts relacionados