O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Gráficos: comparando os resultados financeiros do último trimestre de Apple, Microsoft e Google

Gráfico - FQ3 2013 da Apple

Nesta semana, a Apple apresentou seus resultados financeiros do terceiro trimestre fiscal de 2013. Pouco antes, duas outras gigantes de tecnologia também divulgaram seus resultados: Google e Microsoft. Que tal, então, traçar um comparativo entre elas?

Publicidade

Os gráficos abaixo — interativos, criados pelo The Verge — fazem exatamente isso, comparando receitas, margens de lucro líquida e lucros.

Por ser uma empresa que de hardware (que normalmente tem um preço bem maior do que software), a Apple acaba faturando muito mais do que Microsoft e Google, conforme podemos ver no gráfico acima.

Publicidade

Aqui vemos que a margem de lucro líquida da Apple atingiu um nível baixo se comparado aos outros trimestres. Como Microsoft e Google são empresas basicamente de software — ainda que ambas estejam investindo bastante em hadware ultimamente, ainda não podemos compará-las com a Apple nesse sentido —, suas margens são maiores.

Publicidade

No final, o volume de vendas de iPhones, iPads, Macs e iPods — além de App Store, iTunes Store, alguns softwares, etc. — acabam fazendo a diferença para a Apple. Mesmo com margens mais baixas, a quantidade de iProducts vendida é tão grande que o lucro é bem maior do que o as outras duas gigantes.

Isso prova que a Apple é, cada vez mais, uma empresa de massa, apesar de alguns ainda discordarem disso por conta dos preços de certos produtos da Maçã. iPods, iPads e iPhones… eles são praticamente sinônimos de MP3 players, tablets e smartphones — frases como “o meu iPad é da Samsung” ou “esse iPhone é da Apple, aquele outro ali é da LG” podem ser escutadas em qualquer Fnac/Saraiva/Fast Shop da vida e só comprovam isso. 😛

Para terminar, um ótimo gráfico criado pelo TechCrunch comparando bem os números do FQ3 2013 da Maçã com o mesmo período de 2012:

Gráfico - FQ3 2013 da Apple

Alguém tem dúvidas de que essas barrinhas vão subir um pouco (timidamente) no próximo trimestre fiscal da Apple (FQ4 2013) e “explodir” no FQ1 2014 (época de Natal, quanto todos os iProducts estiverem “renovados”)? Aguarde e confira!

Ver comentários do post

Artigo Anterior
Bastidores de uma Apple Retail Store

↪ Fotos: conheça um pouco dos bastidores de uma Apple Retail Store

Próximo Artigo
Fórum MacMagazine

Tópicos do Fórum: iMac com tela amarelada, AppleCare para MacBook Pro e mais!

Posts Relacionados