Apple fatura quase US$75 bilhões no seu primeiro trimestre fiscal de 2015, com lucro de US$18 bilhões

Loja da Apple em Xangai

A Apple acaba de divulgar seus resultados financeiros referentes ao primeiro trimestre fiscal de 2015, cujo período foi finalizado em 27 de dezembro de 2014. A companhia divulgou um faturamento de US$74,6 bilhões, com lucro líquido de US$18 bilhões — ou US$3,06 por ação diluída.

Publicidade

Loja da Apple em Xangai

Loja da Apple em Xangai, via Shutterstock.

Os resultados comparam-se a um faturamento de US$57,6 bilhões, lucro de US$13,1 bilhões e ganhos de US$2,07 por ação no mesmo trimestre do ano passado. A margem bruta da companhia foi de 39,9%, contra 37,9% no primeiro trimestre fiscal de 2014. Vendas internacionais compreenderam 65% da receita trimestral.

Publicidade

De acordo com a Apple, os resultados foram estimulados por um faturamento recorde de vendas de iPhones e Macs, além de uma performance extraordinária da App Store. No período, a Apple vendeu incríveis 74,5 milhões de iPhones! Também foram comercializados 21,4 milhões de iPads e 5,6 milhões de Macs.

Declaração do CEO Tim Cook:

Nós gostaríamos de agradecer aos nossos clientes por um trimestre incrível, o qual observou a demanda por produtos Apple atingir um novo recorde histórico. Nosso faturamento cresceu 30% em relação ao ano passado para US$74,6 bilhões, e a execução pelas nossas equipes para atingir esses resultados foi simplesmente fenomenal.

E a de Luca Maestri, CFO da Apple:

Publicidade

Nossos resultados excepcionais produziram um crescimento de ganhos por ação de 48% sobre o ano passado, e US$33,7 bilhões em fluxo de caixa operacional durante o trimestre, um recorde histórico. Nós gastamos mais de US$8 bilhões no nosso programa de retorno de capital, levando o retorno total a investidores para quase US$103 bilhões, mais de US$7 bilhões ocorridos apenas nos últimos 12 meses.

Para o segundo trimestre fiscal de 2015, a Apple prevê uma receita entre US$52 e US$55 bilhões, margem bruta entre 38,5% e 39,5%, gastos operacionais entre US$5,4 e US$5,5 bilhões, outras receitas/(despesas) de US$350 milhões e uma taxa de impostos de 26,3%.

A Apple transmitirá em instantes uma conferência em áudio para anunciar e discutir todos esses números, via QuickTime. Mais tarde, publicaremos os destaques dela em resumo aqui no site.

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…