Apple demite lobista conservador, contrata jornalista da Macworld e diversos especialistas da Samsung

Chris Breen

A Apple é definitivamente uma empresa que apoia a diversidade. Recentemente, Tim Cook (chefão da Apple) falou abertamente, pela primeira vez, sobre a sua orientação sexual.

Publicidade

Levando isso em consideração, é estranho entender uma recente contratação da companhia: Julius Kenneth Love (conhecido como Jay Love), um ex-político escalado para ser lobista e ajudar os interesses da Maçã em Washington. Love é reconhecidamente uma pessoa conservadora com uma visão, digamos, anti-gay — definitivamente algo que não se encaixa numa empresa que, por exemplo, apoiou a Parada do Dia da Libertação Gay de San Francisco.

Pois de acordo com o BuzzFeed, a Apple viu a besteira que fez e rapidamente rompeu o contrato com Love.

Na área de contratações, porém, a empresa parece ter acertado — ao menos analisando tudo rápida e friamente.

Chris Breen

Chris Breen, ex-editor sênior da Macworld, faz parte agora da equipe de comunicação da Apple. Resta saber exatamente como Breen ajudará a Maçã, já que absolutamente nada sobre o que ele fará em Cupertino foi revelado em seu post sobre o assunto.

Publicidade

Por conta da contratação, Breen obviamente não poderá mais escrever sobre tecnologia como fez nos últimos anos — o que sem dúvida é uma perda para nós, usuários e amantes da Apple. Por outro lado, é muito bacana ver a empresa contratando pessoas “do lado de cá”, o que consequente e inevitavelmente leva um novo tipo de pensamento para dentro da Maçã quando o assunto é relacionamento de imprensa.

Para completar, o The Korea Times informou que a Apple está contratando diversos empregados da Samsung. O jornal afirma que a Maçã está oferecendo ótimos benefícios e salários para que eles deixem a sul-coreana e se mudem para San Jose, na Califórnia (EUA).

Publicidade

Esses empregados seriam basicamente ligados às áreas de processadores e baterias, sugerindo duas possibilidades: 1. trazer conhecimento na área de chips para que a empresa dependa cada vez menos da Samsung nesse sentido; e 2. com os rumores sobre a entrada da Apple no segmento de carro elétricos, bateria se tornou algo ainda mais importante para a companhia.

[via 9to5Mac, Cult of Mac, AppleInsider]

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…