O melhor pedaço da Maçã.

Quaddro + MacMagazine: vamos aprender Swift?

por Leandro Cissoto

Publicidade

Pensando na crescente demanda por desenvolvedores de iOS — e já sabendo que o mercado está absorvendo cada vez mais profissionais que tenham conhecimento em Swift —, resolvemos criar uma série de artigos para ensinar um pouco sobre a linguagem. Vamos separar este post em duas partes: uma teórica e outra com um exercício guiado. Assim a leitura fica mais organizada e você, caso queria, pode ir direto ao ponto.

Lembramos que este é um tutorial básico para quem não tem nenhuma ou possui pouca experiência com programação. Se você já é desenvolvedor, recomendamos acompanhar nosso grupo Swift Playground, no Facebook.

Nota: este tutorial considera que você possui o Xcode acima da versão 6 instalado. Se você ainda não tem, baixe ele a seguir:


Ícone do app Xcode
Xcode de Apple
Compatível com Macs
Versão 15.2 (3.4 GB)
Requer o macOS 13.5 ou superior
GrátisBadge - Baixar na Mac App Store Código QR Código QR

A teoria

O playground

Publicidade

O playground é um ambiente desenvolvido pela Apple e anunciado na WWDC 2014, juntamente à Swift, para que os desenvolvedores possam testar a linguagem e ver os resultados — além de outras informações em tempo real. É um espaço que justifica o nome, onde o programador brinca de explorar as possibilidades da Swift, tendo um feedback quase instantâneo do que está sendo feito.

Comentários e exibindo informações na tela

Publicidade

Tão importante quanto aprender a programar é aprender a documentar os códigos que escrevemos para que outras pessoas consigam entendê-los — ou até para nós mesmos, quando formos fazer manutenção do código. Justamente por isso, é essencial sabermos como comentar o código.

Em Swift, os comentários podem ser feitos de duas formas:

CódigoFunção
//Comentários com uma linha
/* */Comentários com múltiplas linhas

Dica: cuidado com o excesso de comentários. Além de manter um código bem comentado, é importante manter o código limpo. Leve em consideração a qualidade dos comentários — e não a quantidade deles. 😉

Publicidade

A função println()

Utilizamos a função println() para exibirmos informações na tela. Essas informações podem ser valores de variáveis, constantes, números, objetos, arrays, dicionários e assim por diante. É muito utilizada, mesmo em projetos, quando desejamos exibir valores no console.

Nota: a partir do Xcode 7, que já faz uso da Swift 2, a função println() será substituída por print(). Como a versão oficial ainda não saiu até a data desta publicação, usamos println(), que é utilizada até a versão 1.2 da Swift.

Variáveis e constantes

As palavras-chave let e var são utilizadas para indicar elementos que armazenam valores. A principal diferença será sobre como o valor é armazenado em memória. Se você deseja que o valor não tenha alteração, utilize o let, caso contrário, se você estiver pensando em uma rotina que ao longo do processamento sofrerá alterações no valor da informação em memória, utilize o var.

Sendo assim, devemos ter em mente que let armazenará valores constantes e var armazenará valores variáveis. Exemplo de declarações:

let nome = "Amanda Mummy"
var idade = 33

Dica: a Swift aceita acentos e até emoticons como nomes de variáveis e constantes. Apesar de não recomendado, é interessante saber que é possível.

Tipos de dados

A linguagem Swift é fortemente tipada e possui vários tipos de dados, desde os primitivos, como Int, até tipos mais avançados e complexos, como objetos. Cada variável deve ser declarada com um tipo. Caso isso não aconteça, a Swift tentará adivinhar o tipo utilizado ao receber o valor.

Não podemos, por exemplo, declarar uma variável do tipo inteiro (Int) e tentar inserir um texto (String), pois isso gerará um erro na compilação. Abaixo, os principais tipos de dados da Swift:

Tipo de dadoDescriçãoExemplo
CharacterUm único caractere“Q”
StringColeção de caracteres“Quaddro”
IntValores inteiros20
FloatNúmeros de pontos flutuantes (32 bits)32.452
DoubleNúmeros de pontos flutuantes (64 bits)32.5365549
ArrayUma coleção de valores ordenados por um índice crescente[11, 10, 54, 10, 25]
SetUma coleção de valores sem ordenação que não permite valores repetidos[10, 11, 13, 15, 25, 30]
DictionaryUma coleção que associa chaves com valores[“nome” : “Danilo”, “idade” : 36]

Exercício guiado

Agora que já entendemos alguns conceitos básicos da Swift, vamos colocar a mão na massa criando um playground para testarmos o que foi apresentado.

  1. Abra o Xcode e, na tela inicial, clique em Get started with a playground — também é possível criar um arquivo do playground acessando o menu File » New » Playground, ou pressionando as teclas ⌥⇧⌘N.

Xcode

  1. Digite o nome do projeto — no nosso caso, criamos um projeto chamado “AprendendoSwift” — e selecione a plataforma iOS; depois, clique em Next. Selecione onde deseja salvar e clique em Create.

Xcode

  1. Seu ambiente de playground está pronto para ser usado.

Xcode

Este é o código inicial. Perceba que existem duas áreas: uma para o código (à esquerda) e outra para os resultados e valores inseridos (à direita). Apague todo o conteúdo do projeto (à esquerda) e vamos começar com nosso playground totalmente em branco.

  1. Adicione alguns comentários:
// Isso é um comentário de linha

/*
    Este é um trecho de
    bloco, e todo o seu conteúdo
    será ignorado!
*/

O primeiro tipo de comentário não pode ter quebra de linha, é o que chamamos de comentário de linha única. O segundo, entre /* e */, é um comentário de bloco e tudo contido nele será ignorado.

  1. Vamos exibir uma mensagem na tela usando println. Insira o código abaixo.

//Exibindo a frase na tela
println("Oi, estou aparecendo na sua tela!")

Neste momento, nosso código deve estar assim:

Xcode

  1. Vamos criar uma constante:
// Declarando uma constante
let nome = "Danilo Cissoto"
println(nome)
  1. Tente alterar o valor da constante:
// irá gerar um erro de execução, pois nome foi declarado com let
nome = "Amand Mummy"
println(nome)

O código acima irá gerar um erro. Isso acontece porque declaramos uma constante, que não pode ter seu valor alterado, e tentamos justamente mexer nisso. Comente as linhas da nossa tentativa frustrada de alteração para o erro desaparecer.

Dica: o atalho >⌘/ comenta a linha.

  1. Agora vamos criar uma variável e alterar seu valor:
// Declarando a variável
var idade = 33
println(idade)

// Alterando o valor
idade = 37
println(idade)

Veja que, neste caso, o compilador aceitou a alteração por se tratar de uma variável. Neste momento, seu código deve estar semelhante a este:

Xcode

  1. Agora vamos declarar os tipos de maneira explícita.
// Declarando variável com tipagem explícita, já atribuindo um valor
let endereco: String = "Alameda Santos, 1000 - 7º andar - São Paulo - SP"

// Declarando e iniciando uma variável do tipo Int sem atribuir um valor explicitamente.
var ano: Int = Int()
//Agora sim atribuímos o valor para a variável 
ano = 2015
println(ano)

// Erro: Tentamos inserir um dado do tipo String em uma variável do tipo Int
ano = "1978"
println(ano)

Comente a tentativa de inserir a String na variável do tipo Int para fazer o erro desaparecer. O código final ficou assim:

Xcode

Com isso, concluímos o primeiro artigo de uma série de artigos tutoriais sobre Swift. Apesar de básicos, os conceitos apresentados aqui são de extrema importância para entendermos algumas coisas sobre a linguagem e aprendermos a como utilizar de maneira básica o Swift Playground.

No mais, você pode acessar o código-fonte deste tutorial diretamente do nosso GitHub.

No próximo artigo iremos conhecer os tipos Numéricos e Operadores, até lá!

Ver comentários do post

Compartilhe este artigo
URL compartilhável
Post Ant.

MacMagazine no Ar #136: segunda geração do Apple Watch, polêmica do Apple Music, fim do primeiro iPad mini e mais!

Próx. Post

Apple veicula propaganda da Beats 1 na Times Square; Eminem será o primeiro entrevistado da rádio

Posts Relacionados