O melhor pedaço da Maçã.

Quaddro + MacMagazine: Swift na prática #9 — Enums e Structs

por Leandro Cissoto

Publicidade

E chegamos ao nosso penúltimo artigo sobre Swift na parceria Quaddro + MacMagazine. Está acabando! Hoje vamos falar de Enums e Structs, e a diferença entre eles.

Ícone da Swift

Lembramos que, para testar os conceitos aqui apresentados, recomendamos o uso do Xcode 6 ou superior. Se você não possui um Mac ou não quer instalar o Xcode, é possível utilizar uma ferramenta online que permite escrever em Swift diretamente pelo navegador.


Ícone do app Xcode
Xcode de Apple
Compatível com Macs
Versão 15.2 (3.4 GB)
Requer o macOS 13.5 ou superior
GrátisBadge - Baixar na Mac App Store Código QR Código QR

Teoria

Se você vem de linguagens de programação como C e Objective-C, provavelmente você já deve ter ouvido falar de Enums e Structs. Porém, caso você esteja dando os seus primeiros passos, não se culpe caso nunca tenha visto nada a respeito: é muito comum ouvirmos falar antes de orientação a objetos e ficarmos exclusivamente presos a este paradigma antes de conhecermos tipos mais simples como Enums e Structs, que podem ser perfeitamente combinados com ele.

Publicidade

Enum

Enum (ou enumerado) é um tipo utilizado para definir uma lista de valores. Podemos fazer uma analogia com o mundo do desenvolvimento web e dizer que toda vez que usaríamos um dropdown de valores na web, podemos usar Enums na Swift.

Publicidade

Uma enumeração pode armazenar valores de qualquer tipo e os tipos destes valores podem ser diferentes para cada membro da enumeração. Para declarar um Enum, utilizamos a palavra enum, seguida do nome que daremos ao nosso Enum. Dentro do bloco, utilizamos case (sim, igual ao do switch) para cada opção.

enum PontosCardeais {
    
    case Norte
    case Sul
    case Leste
    case Oeste
    
}

var direcao = PontosCardeais.Leste
//Resultado: (Enum Value)

Perceba no exemplo acima que nosso enum não é do tipo inteiro ou String. Os membros da enumeração PontosCardeais são valores por si só e são do tipo PontosCardeais. Isso faz com que trabalhar com enumeração seja seguro e mais explícito.

Podemos facilmente alterar o valor de um enum depois que ele é declarado. Aproveitando o exemplo anterior, vamos alterar o valor de Leste para Norte. Exemplo:

Publicidade
direcao = .Norte

Também podemos declarar Enums que recebem diferentes tipos:

enum Tipos {
    case Str(String)
    case Num(Double)
}

var valor = Tipos.Str("hello")
valor = .Num(1.0)

Os valores associados podem ser extraídos utilizando um switch:

switch valor {
case .Str(let val):
    print(val)
case .Num(let val):
    print(val)
}

Raw Values

Podemos utilizar Enums de maneira fortemente tipada, fazendo com que seus valores sejam sempre do mesmo tipo. 
Se utilizarmos inteiros, os valores são auto-incrementados se uma sequência não for informada. Não é possível declarar valores iguais.

Utilizamos .rawValue para extrairmos o valor bruto informado dentro do Enum. Exemplo:

enum Semana : Int {
    
    case Domingo=78,Segunda,Terça,Quarta,Quinta,Sexta,Sábado
}
println("Semana Selecionada: \(Semana.Quinta.rawValue)")
//Resultado: 82

Também podemos colocar funções dentro de Enums.

Struct

Uma Struct nos permite criar um tipo de dado estruturado que fornece um armazenamento de dados usando propriedades e funcionalidades através de métodos. É semelhante ao conceito de orientação a objetos, mas na verdade o conceito de Struct é muito mais simples do que uma classe, pois não permite herança.

Suas instâncias são sempre passadas por valor, diferentemente de classes, que são passadas por referência. Exemplo:

struct Pessoa{
    var nome:String = ""
    var idade: Int = 0
    var profissao: String?
    
    
    func trabalhar(){
        let trabalho = profissao ?? "herdeiro"
        println("\(nome) está trabalhando de \(trabalho)")
    }
}

var pessoaX = Pessoa()
pessoaX.nome = "Gusméia"
pessoaX.idade = 35
pessoaX.trabalhar()

pessoaX.profissao = "Programadora"
pessoaX.trabalhar()

No exemplo anterior declaramos uma estrutura chamada Pessoa, que recebe como propriedades nome, idade e profissão, e pode executar uma funcionalidade (método) chamado trabalhar. É um exemplo básico, mas já dá para mostrar como podemos estruturar nossos projetos utilizando essa poderosa opção.

Exercício guiado

Agora que já entendemos as diferenças entre Enum e Struct, vamos fazer um exercício guiado para consolidar ainda mais o que foi apresentado.

  1. Crie um novo documento chamado “struct-enums”.

Swift na prática #9 — Enums e Structs

  1. Vamos criar uma pequena lista de afazeres. Para isso, vamos criar uma Struct chamada “toDo”.
struct ToDo { 
}

Swift na prática #9 — Enums e Structs

  1. Agora, vamos pensar: o que uma lista de tarefas tem de propriedades? O que define uma lista de tarefas? 
Penso que, de maneira bem simplificada, o ideal para uma lista de tarefas seria ter título, conteúdo e responsável.
struct ToDo {
    
    var titulo:String = ""
    var conteudo: String = ""
    var responsavel: String = ""
}

Swift na prática #9 — Enums e Structs

  1. Que tal colocarmos prioridade nessa lista? É uma boa oportunidade para utilizarmos o conceito de enum aninhado em uma struct. Sim, é possível inserir um enum dentro de um struct e vice-versa. 😉 Vamos criar esse enum dizendo que a prioridade baixa será 0, a média será 1 e a alta será 2.
struct ToDo {
    
    enum Prioridade: Int{
       case Baixa = 0, Media, Alta
    }
    
    var titulo:String = ""
    var conteudo: String = ""
    var responsavel: String = ""
    var prioridade: Prioridade = Prioridade.Baixa
}

Swift na prática #9 — Enums e Structs

  1. Agora que temos a nossa estrutura, podemos brincar de criarmos listas de tarefas.
var tarefasHoje = ToDo( titulo: "Terminar o site",
    conteudo: "Tenho que terminar o site do Gervásio",
    responsavel: "Leandro",
    prioridade: .Alta)

Swift na prática #9 — Enums e Structs

  1. Que tal utilizarmos um Array para declaramos nossas tarefas?
var todasTarefas: Array<ToDo> = [tarefasHoje,
                                 ToDo(titulo: "Dormir",
                                    conteudo: "Amanhã é folga",
                                    responsavel: "Leandro",
                                    prioridade:  .Media),
                                ToDo(titulo: "Fazer o jantar",
                                    conteudo: "Tenho que fazer o Jantar para a Ana",
                                    responsavel: "Leandro",
                                    prioridade:  .Alta),
                                ToDo(titulo: "Jogar algum game",
                                    conteudo: "Provavelmente Batman",
                                    responsavel: "Leandro",
                                    prioridade:  .Baixa)

Swift na prática #9 — Enums e Structs

  1. Agora vou mostrar um método muito útil chamado Sort. Este método é utilizado para ordenar um Array de acordo com uma regra definida dentro de uma Closure (lembram delas?). Que tal ordenarmos a nossa lista de tarefas por ordem de prioridade? Faremos isso com apenas uma linha de código.
todasTarefas.sort({$0.prioridade.rawValue > $1.prioridade.rawValue})

Swift na prática #9 — Enums e Structs

Com apenas algumas alterações, podemos inverter esses valores e ordenarmos da maneira que quisermos.

·   ·   ·

Com isso, concluímos o nosso exercício guiado sobre Structs e Enums. Recomendo bastante o estudo em cima desses dois carinhas, pois é muito comum nos depararmos com eles.

Desafio Blackjack ou 21

Vamos recriar a estrutura do famoso joguinho de cartas chamado Blackjack. Nele, o jogador vai tirando as cartas e elas não podem ultrapassar o valor 21. Quem chegar mais próximo ao valor sem ultrapassá-lo, vence.

As regras do jogo são:

  • Cartas de 2 a 10 valem de 2 a 10;
  • Cartas J, Q e K valem 10 pontos;
  • A vale 1 ou 11.

Lembramos que no nosso GitHub você encontra os exercícios de todos os artigos, bem como as soluções dos desafios passados. No próximo e último artigo da nossa introdução à Swift, falaremos de Orientação a Objetos. Até lá!

Ver comentários do post

Compartilhe este artigo
URL compartilhável
Post Ant.

Anunciando o MM Tour V, de 30 de outubro a 8 de novembro! Vamos para o Vale do Silício?

Próx. Post

iPads que mostravam informações de produtos nas mesas de lojas da Apple são substituídos por um app

Posts Relacionados