Veja o cartaz oficial de “Steve Jobs”; filme deverá estrear no Brasil apenas em janeiro de 2016

Vocês acompanharam conosco os trailers oficiais do filme “Steve Jobs”. Não?! Então confira, abaixo:

Publicidade

Pois agora a Universal Pictures divulgou o cartaz oficial dele, confira:

Cartaz do filme "Steve Jobs"

Ao menos na minha opinião, eles acertaram em cheio!

Publicidade

Dirigido por Danny Boyle (mesmo diretor de “Quem Quer Ser um Milionário?”) e roteirizado por Aaron Sorokin (de “A Rede Social”), o filme traz Michael Fassbender (como Steve Jobs), Kate Winslet (como Joanna Hoffman, ex-chefona de marketing do Macintosh), Seth Rogen (como Steve Wozniak, cofundador da Apple), Jeff Daniels (como John Sculley, ex-CEO da Apple), Katherine Waterston (como Chrisann Brennan, ex-namorada de Jobs), Michael Stuhlbarg (como Andy Hertzfeld, um dos membros da equipe original do Macintosh), Perla Haney-Jardine, Ripley Sobo e Makenzie Moss (que interpretam os diversos estágios da vida de Lisa Brennan, filha de Jobs), Sarah Snook (como Andrea Cunningham, que trabalhou com Jobs no lançamento do Macintosh) e Adam Shapiro (como Avie Tevanian, ex-vice-presidente sênior da Apple).

Ele será focado em três momentos importantes da vida do ex-CEO e cofundador da Apple: os bastidores do lançamento do computador Macintosh, em 1984; do NeXT Computer, em 1988; e do iMac, em 1998.

Michael Stuhlbarg, Michael Fassbender e Kate Winslet em ação no filme "Steve Jobs"
Michael Stuhlbarg, Michael Fassbender e Kate Winslet em ação no filme “Steve Jobs”

Nós já acompanhamos as opiniões de Kate Winslet e Steve Wozniak sobre o filme, mas agora Michael Stuhlbarg também falou um pouco sobre a produção ao Collider — explicando como o processo de filmagem foi único (duas semanas de ensaio e duas de filmagens para cada ato, o que fez com que as cenas fossem muito bem preparadas) — você confere o vídeo da entrevista aqui.

Em entrevista ao Vulture, Winslet também falou sobre como foi parar no filme (ela soube que Sorkin havia escrito o roteiro e basicamente correu atrás do papel), falou um pouco da verdadeira Joanna Hoffman (elas se conheceram e trocaram figurinhas) e como foi gravar cenas longas — e como há um preocupação em não ser o responsável por estragar tudo. Todavia, a parte mais interessante foi essa:

Publicidade

Sorkin torna quase tudo [do filme] não sobre Steve Jobs. É sobre como um homem ditou 100% de como todos nós vivemos as nossas vidas atualmente e como funcionamos como pessoas. O filme é sobre todos nós, e todos nós hoje, não em 1984, 1988 ou 1998. Digo, olhe para nós agora — como nós funcionamos. Você vê muitas crianças hoje, eles pegam uma tela de qualquer tipo e não apertam um botão, eles fazem gestos. É aterrorizante mas extraordinário, e isso é “Steve Jobs”. Como uma mãe de uma criança pequena, é alarmante. Eu me lembro dos dias de telefones giratórios. Tenho 39 anos agora, então não foi há tanto tempo assim.

“Steve Jobs” estreará nos Estados Unidos no dia 9 de outubro; no Brasil, ao menos de acordo com o IMDb, ele estreará em 21 de janeiro de 2016.

[via Cult of Mac: 1, 2; iClarified, TecMundo]

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…