O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Apple diz que venda inicial dos novos iPhones deverá bater o recorde de 10 milhões de 2014

Diferentemente do lançamento do Apple Watch e até mesmo dos iPhones 6/6 Plus, os estoques dos iPhones 6s/6s Plus durante os primeiros dias de pré-venda não se esgotaram tão rapidamente. É verdade, sim, que diversos modelos em vários países1 já estão com um prazo de entrega para 2-3 semanas, mas quem resolveu comprar no sábado e até no domingo pela manhã, em geral, conseguiu tranquilamente.

Publicidade

Família de iPhones 6s - dourado, prateado, ouro rosé e cinza espacial

Isso pode ter gerado a seguinte pergunta na cabeça de muitos: será que os novos iPhones decepcionaram e estão vendendo pouco? Não parece ser o caso. Provavelmente se antecipando a esses questionamentos, a Apple deu hoje a seguinte declaração a alguns veículos:

A resposta de clientes para os iPhones 6s e 6s Plus está sendo extremamente positiva e a pré-venda neste final de semana foi bem forte em todo o mundo. Estamos caminhando para bater o recorde de 10 milhões de unidades do ano passado quando os novos iPhones estiverem à venda no dia 25 de setembro.

Como muitos consumidores notaram, a demanda online pelo iPhone 6s Plus foi excepcionalmente forte e excedeu as nossas próprias previsões para o período de pré-venda. Estamos trabalhando para alcançar [a demanda] o mais rápido possível e nós teremos unidades de iPhones 6s Plus assim como de iPhones 6s nas lojas da Apple quando elas abrirem na próxima sexta-feira [25/9].

As vendas realmente parecem estar boas e o maior estoque pode ser explicado por um detalhe simples: no ano passado, a Apple teve apenas uma semana entre a pré-venda e a entrega/venda de aparelhos nas lojas; agora, neste lançamento, a Apple preferiu espaçar mais as coisas, dando uma distancia de duas semanas entre o início da pré-venda e da entrega/venda nas lojas. Isto, é claro, influencia diretamente na quantidade de aparelhos que ela consegue produzir neste período — estamos falando do dobro do tempo!

Publicidade

No comunicado, a Apple disse que deverá bater a pré-venda de 10 milhões dos iPhones 6/6 Plus. Esse recorde foi estabelecido juntando a pré-venda e o primeiro final de semana de vendas em lojas físicas. Neste ano, além de termos uma semana a mais para a comercialização dos aparelhos, a China (principal mercado da Apple ao lado dos EUA) faz parte da primeira leva de países que receberá os iPhones 6s/6s Plus. Juntando essa semana a mais e China no bolo, eu diria que é obrigação da Apple bater esse recorde de 10 milhões. Resta saber agora qual número ela anunciará — muito provavelmente no dia 28 de setembro.

[via Re/code]

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Segurança

Privacidade e segurança no OS X e iOS: o básico

Próximo Artigo
iPhone 6s gravando um vídeo em 4K

iSight do iPhone 6s agora cria vídeos em câmera lenta com qualidade Full HD (1080p)

Posts Relacionados