O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Tribunal alemão decide que Apple violou patentes de streaming da OpenTV

Martelo de juiz
Shutterstock.com

Na terça-feira passada (15/3), o Tribunal do Distrito de Düsseldorf, na Alemanha, decidiu que a Apple violou patentes de streaming de vídeos pertencentes à OpenTV. A empresa do Grupo Kudelski, pioneira em tecnologia digital e streaming de TV, iniciou o processo em 2014 alegando que os produtos e serviços da Apple infringiam suas patentes relacionadas a fornecimento e armazenamento de conteúdo digital para dispositivos eletrônicos.

Publicidade

Conforme relatou a Reuters, o tribunal considerou os argumentos a favor da OpenTV “válidos e bem fundamentados”. Assim, os produtos da Apple vendidos na Alemanha que infringem as patentes da OpenTV devem ser retirados do mercado.

A decisão, de certa forma, pressiona a Apple a buscar um acordo de licenciamento com o Grupo Kudelski. A Maçã pode simplesmente remover/desativar os recursos que utilizam as patentes da OpenTV, mas é bem provável que isso interfira bastante o funcionamento dos produtos em si. Assim, o pior cenário é mesmo a retirada dos produtos do mercado local (iPhones, iPads, Macs, Apple TVs, iTunes, QuickTime, etc.).

Ainda não houve esclarecimentos de nenhuma das empresas sobre o assunto — também não está claro se a Apple irá recorrer. Além disso, a empresa poderá pagar multa de até 250 mil euros (mais de R$1 milhão) por patente, mas a decisão não especificou como isso seria calculado nem mesmo o valor total da ação.

Publicidade

Vale lembrar que existe outro processo da empresa de TV contra a Apple, este iniciado em 2015 nos Estados Unidos (Califórnia), com alegações muito parecidas envolvendo mais cinco patentes da OpenTV.

[via AppleInsider]

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Funcionamento do malware AceDeceiver, para iOS

Descoberto novo malware para iOS que ataca usuários na China

Próximo Artigo
Malware, vírus, ransomware

↪ Brasil ocupa primeiro lugar dentre os países latino-americanos mais atacados por ransomware

Posts Relacionados