O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Corpo é encontrado em sala de conferências no campus da Apple; polícia está investigando [atualizado 3x]

A KVTU, sucursal da Fox em San Francisco, relatou hoje que uma pessoa foi encontrada morta em uma sala de conferências dentro do 1 Infinite Loop, o célebre campus da Apple em Cupertino. Segundo a rede de notícias, a polícia do Condado de Santa Clara chegou ao campus logo pela manhã, quando recebeu um chamado informando o incidente, e está no local investigando o caso.

Publicidade

A identidade da vítima ainda não foi divulgada, e não se sabe se estamos falando de um empregado da Apple ou não. As autoridades confirmaram agora há pouco, entretanto, que trata-se de um homem, além de relatarem que uma arma foi encontrada junto ao seu corpo.

Segundo um trecho do chamado da polícia divulgado pelo TMZ, também há relatos — estes ainda não confirmados — de que uma mulher teria sido retirada do campus pelos seguranças com um ferimento na cabeça, possivelmente causado por uma arma, após uma discussão.

Publicidade

Coincidentemente ou não, a calamidade ocorre um dia após a Apple divulgar seus resultados financeiros mais desanimadores da última década.

Estamos acompanhando de perto a situação e, conforme mais detalhes forem sendo divulgados, atualizaremos este post.

[via Cult of Mac]

Atualização · 27/04/2016 às 16:45

Publicidade

Uma porta-voz da polícia do Condado de Santa Clara confirmou agora há pouco que a vítima é um homem de origem hispânica o qual era, de fato, empregado da Apple. Segundo o comunicado, o que aconteceu foi um “incidente isolado” e não há perigo para os outros funcionários e frequentadores do local — o campus continua aberto e funcionando normalmente.

Ainda não está claro se é factual o relato da mulher retirada do campus com um ferimento na cabeça, mas aparentemente trata-se de uma informação falsa.

Atualização II · 28/04/2016 às 08:25

A Apple finalmente se pronunciou sobre o caso — mas bem vagamente. A porta-voz da Maçã Kristin Huguet declarou:

Publicidade

Nós estamos todos de coração partido pela trágica perda de um colega jovem e talentoso. Nossos pensamentos e mais profundas condolências vão a sua família e amigos, incluindo os muitos que trabalharam com ele aqui na Apple. Estamos trabalhando para ajudá-los de qualquer forma que pudermos nesta hora difícil.

Não houve nenhum tipo de menção à identidade do rapaz — relata-se, inclusive, que no próprio campus quase ninguém soube quem morreu, embora a empresa tenha dado a opção aos seus funcionários de tirar o resto do dia de folga.

Também foi confirmado que mais ninguém ficou ferido no caso, descartando a história da mulher com um ferimento na cabeça.

[via BuzzFeed]

Atualização III · 29/04/2016 às 08:14

A Reuters divulgou a identidade da vítima. Trata-se de Edward Mackowiak, 25 anos, e segundo sua página do LinkedIn (já apagada), era engenheiro de software. Também foi confirmado pelo médico-legista do Condado de Santa Clara que a causa da morte foi suicídio.

Terrível…

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Skype for Business para Mac

Microsoft lança, ainda em fase de testes, uma versão do Skype criada para o mercado corporativo

Próximo Artigo
Logo do AppleCare+

AppleCare+ para iPhone ainda não é vendido, mas já é oficialmente atendido no Brasil

Posts Relacionados