O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Apple Music

Assinatura do Apple Music agora tem desconto para estudantes, mas Brasil está de fora [atualizado]

O Apple Music realmente parece ser o centro das atenções da Apple atualmente. Apesar de ter sido lançado há pouco tempo, tudo indica que o serviço musical ganhará uma boa repaginada na WWDC 2016.

Publicidade

Agora, conforme informou o TechCrunch, a empresa resolveu ser ainda mais agressiva e oferecerá (a partir de hoje) um desconto de 50% na mensalidade para quem é estudante. Ou seja, nos Estados Unidos, em vez de pagar US$10, alunos de faculdades/universidades terão que desembolsar apenas US$5 para ter acesso a todo o catálogo de músicas da Maçã.

Ainda segundo o site, a novidade não engloba apenas os EUA e chegará também aos seguintes locais: Alemanha, Austrália, Dinamarca, Irlanda, Nova Zelândia e Reino Unido — o Brasil, ao menos por enquanto, está de fora. Apesar de o serviço de streaming ter preços diferentes ao redor do mundo, o desconto para estudantes foi fixado em 50%. Ou seja, se ele um dia chegar aqui, alunos pagarão US$2,50/mês pela assinatura.

A redução de custo estará disponível por até quatro anos após a inscrição, e esses anos não precisam necessariamente ser contínuos — caso um aluno tranque a faculdade, por exemplo, e volte depois.

Publicidade

O desconto será oferecido a partir de hoje tanto para novos assinantes quanto para os existentes — e pode ser feito pela web ou através dos aplicativos para iOS e Android. A empresa também está trabalhando com a UNiDAYS, uma fornecedora de tecnologia de verificação de estudantes líder do mercado, a fim de assegurar que aqueles que estão se inscrevendo como os estudantes estão realmente matriculados em uma faculdade/universidade.

Nós entramos em contato com a assessoria da Apple para saber se a novidade chegará ou não ao Brasil. Caso recebamos uma resposta, atualizaremos esta matéria.

Atualização · 06/05/2016 às 14:31

A Apple informou que, por enquanto, não teremos esse benefício aqui no Brasil. Pena.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Dica de leitura: o árduo processo de desenhar uma embalagem a ser vendida nas lojas da Apple

Próximo Artigo
Bob Kupbens, VP de varejo da Apple

Apple perde VP de varejo, mas ganha empregado do Google listado como inventor de um "veículo elétrico"

Posts Relacionados