O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Unicode propõe mais 51 novos emojis com chegada prevista para 2017

Se você fica se perguntando “até onde os emojis irão”, sugiro-lhe apenas parar de tentar descobrir. Isto porque eles não parecem estar diminuindo em popularidade; pelo contrário, a família está cada dia maior!

Publicidade

O Consórcio Unicode, desta vez, propôs a vinda de mais 51 novos emojis no Unicode 10 (atualmente estamos no 9), como mostra o Emojipedia.

Emojis 2017

Como pode ser observado na imagem acima, alguns dos emojis serão: homem barbado, girafa, copo com canudo, mulher amamentando, carinha fazendo sinal de silêncio (“shh”), torta, vampiro, carinha com olhos de estrelas, disco voador, pretzel, mulher com hijab e zebra — estes nomes não são os oficiais.

Uma das coisas mais interessantes das constantes expansões dos emojis, com certeza, é o aumento da preocupação com a representatividade de homens, mulheres, diferentes culturas, etc. Nesta leva, por exemplo, adicionarão uma mão fazendo o símbolo de “Eu te amo” (“I love you”) em ASL1, que foi bastante pedido — aliás, seria lindo se tivesse todo o alfabeto, né? #fikdik. Outros que também foram bastante pedidos são a carinha com corações em volta, o smiley “xingando” (com símbolos tapando a boca), outro fazendo cara de doido (crazy eyes), um sorrindo com as mãos na boca, entre outros.

Além das famigeradas carinhas, também chegarão ao Unicode 10 alimentos como brócoli, coco e sanduíche, alguns animais e até dinossauros. A lista completa (apenas nomes em inglês), você confere aqui [PDF].

Publicidade

A previsão é que os novos emojis sejam liberados para o público em meados de 2017. Até lá, é possível que surjam mais além desses.

[via AppleInsider]

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Apple campus 2 - popular science

Quer trabalhar na futura gloriosa "espaçonave" da Apple? A empresa já está contratando

Próximo Artigo
iPhones 7 Plus de costas em todas as cores

Analista prevê que vendas do iPhone já "passaram do pico" e que cairão mais nos próximos meses

Posts Relacionados