O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Apple nunca gastou tanto em P&D como agora, e pelo menos isso pode nos confortar

Triste com o cheiro de maresia e falta de vontade que já há algum tempo exala de Cupertino? Desanimado com as atualizações pontuais e conservadoras nas mais variadas linhas de produtos? Eu também, meu caro ou minha cara. Mas pelo menos em uma informação podemos nos agarrar para sonharmos com mais uma época de glória. Afinal, vocês sabem o que falam dessa tal de esperança.

Publicidade

Segundo o Business Insider, a Apple nunca gastou tanto em pesquisa e desenvolvimento como tem gastado nos últimos tempos. Foram US$2,8 bilhões só no último trimestre, um aumento razoável se compararmos com os US$2,4 bilhões do mesmo período de 2015. No geral, foram US$10,39 bilhões gastos pela Maçã neste aspecto em 2016 — o maior gasto anual da Apple em P&D na história.

Este gráfico dá uma boa noção da escalada vertiginosa de Cupertino para gastar mais dinheiro com a pesquisa de novas tecnologias e o desenvolvimento delas:

Gráfico: gastos da Apple com pesquisa e desenvolvimento

Este outro abaixo, que não é o primeiro traço de um desenho infantil, mostra a porcentagem dos gastos da Apple em P&D em relação à sua receita total num determinado trimestre:

Gráfico: gastos da Apple com pesquisa e desenvolvimento em relação à receita

É bom notar que, apesar da subida, a Apple ainda está longe de ser a empresa de tecnologia que mais gasta com P&D: Google Alphabet, Facebook, Microsoft, Amazon e Intel são algumas das gigantes que ficam bem à frente da Maçã neste aspecto. Além disso, P&D nem chega a ser o maior dos gastos da empresa de Cupertino; em 2016, este título ficou no campo da recompra de ações.

Publicidade

Ainda assim, é bom ver que Tim Cook e sua turma estão se mexendo para, não sabemos se num curto ou longo prazo, voltar a apresentar produtos que encham os olhos dos seus consumidores. O próprio Cook recusou-se a comentar, numa entrevista no ano passado, quais eram os principais frutos deste gasto crescente com P&D, então não podemos criar expectativas concretas em relação a nada. Ainda assim, é bom sonhar com iPhones futuristas, Macs revolucionários ou, melhor ainda, algo totalmente novo — e com rodas.

[via iClarified]

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Histórico nos valores de marcas (Brand Finance)

Brand Finance: valor de marca da Apple cai pela primeira vez em anos e Google reassume a liderança

Próximo Artigo
Tim Cook em uma das muitas WWDC

Recorde de iPhones, Apple Watch vendendo muito bem, quase US$250 bilhões em caixa… confira os destaques do 1º trimestre fiscal de 2017 da Apple

Posts Relacionados