O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Com o aplicativo MEDiD, você verifica a procedência do seu medicamento, pode consultar sua bula e até programar alertas

Você sabia que, de acordo com estatísticas da Organização Mundial da Saúde (OMS), 50% dos brasileiros consomem remédios de forma incorreta e 19% dos medicamentos vendidos no país são falsificados? E que 28% dos casos de intoxicação do Brasil são causados por medicamentos falsos ou utilizados indevidamente?

Publicidade

Pois é: são dados preocupantes, sem dúvida — ainda mais quando estamos falando da saúde de nós mesmos e de quem nós amamos —, mas felizmente o século XXI pode trazer algumas opções interessantes para nos ajudar a escapar destes números.

Neste sentido, uma nova e interessante opção é o aplicativo MEDiD, da empresa brasileira Rastreabilidade Brasil. Com o app para iOS e Android, usuários podem checar procedência, data de fabricação e validade, e informações principais de quase todos os medicamentos disponíveis no mercado, bem como consultar suas bulas digitalmente e programar alertas para ministrá-los sempre na hora certa.


Desculpe, app não encontrado.

Publicidade

O funcionamento do aplicativo é muito simples: basta criar uma conta e confirmar seu endereço de email para que o MEDiD abra a sua tela principal, que já conta de cara com uma câmera leitora de códigos de barra ou datamatrix — basta escanear o código na caixa do seu remédio para que as informações apareçam imediatamente na tela.

A diferença entre os dois módulos é que, enquanto os códigos de barra tradicionais trazem nome, apresentação básica, princípio ativo e fabricante do medicamento em questão, os códigos datamatrix — já presentes na maioria das caixas de remédios disponíveis no Brasil — vêm também com data de fabricação, validade e número serial do medicamento; alguns deles trazem até vídeos de demonstração. Além disso, se a fabricante do remédio for parceira MEDiD, o aplicativo já fornece instantaneamente a confirmação de que aquele serial é reconhecido e que o medicamento é confiável.

Uma vez identificado o medicamento, é possível abrir a sua bula diretamente na tela do smartphone/tablet, bem como programar alertas baseados na periodicidade receitada pelo médico — por exemplo, você pode configurar alertas pelos próximos cinco dias a cada oito horas para nunca perder a hora certa de tomar o remédio em questão.

O MEDiD está disponível gratuitamente na App Store e também no Google Play. Vale a pena conferir e espalhar entre seus entes queridos — afinal, nunca se sabe quando iremos precisar dele.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Conceito de "iPhone 8"

Mais rumores! "iPhone X" virá em modelos de 64GB e 256GB, mas tela curva parece ter ficado pelo caminho

Próximo Artigo
AAPL em 21 de fevereiro de 2017

$AAPL abre a semana em alta de 0,72% e fecha em novo valor histórico: US$136,70 [atualizado: US$137,07]

Posts Relacionados