O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Futuro iPhone de 6,1″ deverá usar um painel LCD (com recorte) semelhante ao do LG G7

Nós já estamos em maio, o que significa que a máquina de rumores para a nova leva de iPhones está finalmente começando a ganhar tração e em breve estará a todo vapor (ou não).

Publicidade

Se nada mudar muito até setembro, já temos até uma ideia do cenário que veremos na apresentação dos novos smartphones da Apple, com dois modelos (um sucessor do iPhone X e uma versão “Plus” dele, com 6,5″) topo-de-linha e um “de entrada”, com design parecido e tela de 6,1″. Agora começam a surgir ainda mais informações sobre esse misterioso terceiro modelo.

De acordo com o jornal BusinessKorea, a Maçã pode estar planejando equipar o seu futuro iPhone mais barato (isto é, se o SE sair de cena mesmo) com uma tela MLCD+, semelhante à utilizada pela LG no seu novo G7 ThinQ.

LG G7 ThinQ

O painel, que naturalmente teria o recorte que deve se tornar padrão nos iPhones daqui para frente, se diferencia do tradicional LCD IPS por trazer um sub-pixel branco além dos costumeiros azul, vermelho e verde; isso proporciona uma maior precisão de cores, além da tecnologia ser mais econômica para a bateria.

Publicidade

A maior vantagem do MLCD+, entretanto, é o brilho aprimorado da tela. Para se ter uma ideia, o painel OLED do iPhone X tem brilho máximo em 804 nits, enquanto o LG G7 ThinQ vai até 1.000 nits — até por isso, a sul-coreana está chamando o atrativo de Super Bright Display (Tela Super Brilhante).

Não se sabe ainda se a própria LG será a fabricante desses painéis para a Apple, mas essa é uma hipótese provável, considerando que a gigante asiática é uma das únicas empresas no mundo que trabalham com tal tecnologia.

via iDownloadBlog

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Mulher surfando com o Apple Watch Series 3 (GPS + Cellular)

Apple Watch Series 3 com conectividade celular chega a mais quatro países nesta semana

Próximo Artigo
Alumínio da Elysis, consórcio com investimento da Apple

Apple investirá R$35 milhões em parceria para fundir alumínio de forma mais sustentável

Posts Relacionados