O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Donald Trump usando um iPhone

Donald Trump usa dois iPhones que não passam pelos protocolos de segurança da Casa Branca

Quem acompanha o presidente dos Estados Unidos sabe muito bem que Donald Trump gosta bastante de tweetar por aí e, a depender do cliente que você utiliza para acessar o Twitter (como o Tweetbot), é possível que já tenha notado que, muitas vezes, os tweets dele são feitos por um iPhone.

Publicidade

De acordo com um relatório do POLITICO, o presidente Trump faz uso de, pelo menos, dois iPhones, ambos gerenciados pela Agência de Comunicação e Tecnologia da Informação da Casa Branca. O relato, obtido por meio de duas fontes anônimas, descreve que um dos dispositivos é usado para ligações, enquanto o outro possui apenas o app Twitter instalado e alguns sites de notícias.

No entanto, não é o uso dado aos iPhones que convém; a preocupação de alguns funcionários da Casa Branca está relacionada à quebra de protocolos de segurança voltados para os aparelhos utilizados pelo presidente, que deveriam ser inspecionados periodicamente.

Enquanto foi presidente dos EUA, Barack Obama entregava os aparelhos para os órgãos responsáveis pela segurança em comunicação e tecnologia a cada 30 dias. Ademais, seus dispositivos tiveram tanto a câmera quanto o microfone — o último apenas no dispositivo usado para redes sociais — removidos dos aparelhos.

Publicidade

Sabe-se que os iPhones de Trump tiveram os serviços de localização desativados por razões óbvias, mas não há informações se os celulares possuem a câmera e/ou o microfone instalados. Além disso, o relatório indica que há pelo menos cinco meses os aparelhos do presidente não são entregues para inspeção. De acordo com as fontes, Trump recusou o protocolo de segurança por ser “muito inconveniente”, alegando que isso o atrapalharia em contatos com seus familiares, amigos e seguidores do Twitter.

Para outro funcionário da Casa Branca, a possível presença de uma câmera e um microfone nos dispositivos do presidente não representa uma ameaça, relatando ao POLITICO que “devido às capacidades inerentes e ao avanço das tecnologias, esses devices são mais seguros do que qualquer dispositivo da era Obama”.

De fato, a questão acerca da segurança nacional é algo fundamental para um presidente e a situação fica ainda mais ácida quando estamos falando da segurança dos EUA. Outro ponto é que nenhum dispositivo está imune a hackers e se algum desses profissionais conseguir acionar remotamente o microfone do iPhone do presidente — através de algum link malicioso, quem sabe —, então Trump possivelmente desejaria que o seu dispositivo tivesse sido inspecionado mais vezes.

via 9to5Mac

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
John Carmack, criador de Doom

Criador de DOOM compartilha histórias e fala da personalidade “peculiar” de Steve Jobs

Próximo Artigo
8bitWar: Necropolis

Promoções do dia na App Store: 8bitWar: Necropolis, MemoMa – Anotações Diárias, AppGraphics e mais!

Posts Relacionados