O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Três novidades que você pode não conhecer do watchOS 5

Sensores do Apple Watch Series 4

Nós conhecemos o watchOS 5 na WWDC18 e, ao longo dos últimos meses, fomos acompanhando as novidades e os recursos do sistema operacional do relógio conforme a Apple ia liberando suas versões beta. Depois de dez versões de testes, nesta semana finalmente a versão final do watchOS 5 foi liberada para o grande público e pudemos instalar o sistema em nossos relógios, a fim de aproveitar as novidades. Uma delas, porém, ninguém esperava.

Publicidade

Até então, o Apple Watch (desde a primeira geração até o Series 3) era capaz de detectar batimentos cardíacos elevados — recurso, aliás, que fez bastante sucesso e salvou algumas dezenas (ou centenas, vai saber) de vidas por aí.

Sensores do Apple Watch Series 4

Com o lançamento do Apple Watch Series 4, a Apple sabiamente melhorou o sensor responsável por esse recurso e adicionou mais dois tipos de monitoramento: baixa frequência cardíaca e fibrilação atrial (graças à possibilidade de fazermos um ECG — algo que será liberado ainda neste ano para usuários americanos).

Batimentos no watchOS 5

A surpresa, como o AppleInsider informou, é que o monitoramento de frequência cardíaca baixa é uma novidade do watchOS 5 — e não do Apple Watch Series 4. Isso quer dizer que donos de Watches Series 3, 2 ou 1 (o Watch original infelizmente não é compatível com o watchOS 5) têm agora mais esse recurso para controlar a saúde do coração.

Batimentos no watchOS 5

Para usar o recurso, você precisa abrir o app Batimentos no próprio relógio e ativá-lo; já no app Watch, no iPhone, você também pode abrir o app Batimentos para configurar o BPM mínimo de acordo com a sua preferência.

Publicidade

E já que estamos falando de novidades, as duas abaixo não são propriamente surpresa já que inclusive constam na página oficial do watchOS 5, contudo foram pouquíssimo comentadas e você pode desconhecê-las.

Notificações no watchOS 5

A primeira é que, assim como em iPhones e iPads, o Apple Watch agora agrupa notificações de um mesmo aplicativo; você pode, então, se livrar delas de uma vez só ou tocar para expandi-las.

Publicidade

Com as notificações expandidas, o comportamento é o mesmo de uma notificação normal, ou seja, você pode deslizar para o lado para se livrar delas ou até mesmo tocar no “…” e escolher entre as opções “Receber em Silêncio” ou “Desativar no Apple Watch” — só não escolha essas opções no app do MacMagazine, afinal, você não quer perder nenhuma notícia do maior e melhor site sobre Apple do Brasil. 😊

A segunda é que, agora, o watchOS conta com detecção automática de exercícios. O Apple Watch percebe se você está fazendo certos tipos de exercício e manda um alerta caso você tenha esquecido de iniciar a sessão no app.

Isso em si você poderia já saber. O que você não necessariamente sabe, como o Marcus Mendes informou, é que esse recurso espera cerca de 15 minutos para ter quase certeza de que você fazendo uma atividade e, aí sim, mostra a notificação para você começar a contabilizar o tempo e as calorias — levando em consideração todos os 15 minutos que você já fez (de forma retroativa), é claro!

Boas novidades do watchOS 5, não é mesmo? 😉

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Novos relógios Steel HR da Whithings

Withings volta ao jogo com novo relógio híbrido

Próximo Artigo
iPhone com componentes expostos (bateria)

Eis as capacidades das baterias dos iPhones XS, XS Max e XR

Posts Relacionados