O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Prédio da Qualcomm com céu e nuvens

Qualcomm diz que Apple lhe deve US$7 bilhões em royalties

A longa novela que ainda se arrasta entre a Apple e a Qualcomm em tribunais ao redor do mundo acaba de ganhar um novo capítulo. Depois da mais recente derrota sofrida na Alemanha, a gigante dos microchips disse agora na semana passada, em audiência na Califórnia, que a Maçã estaria lhe devendo cerca de US$7 bilhões (aproximadamente R$26 bilhões) em pagamentos de royalties atrasados.

Publicidade

De acordo com a Reuters, a acusação foi feita numa corte federal de San Diego, onde a Apple manteve sua posição de não pagar os royalties à Qualcomm por considerar a cobrança indevida. O argumento da Maçã é de que a sua parceira/concorrente lucra duplamente: primeiro com a venda das peças em si que equipam os iPhones e, depois, com a cobrança dos tais royalties que a Apple precisa pagar (por meio das suas montadoras na China).

A disputa, a partir dessa acusação inicial, desdobrou-se em uma série de terrenos: a Qualcomm acusou a Apple de repassar segredos seus para a Intel, uma das suas maiores concorrentes, e chegou a solicitar o banimento da importação de iPhones para os Estados Unidos. A Maçã, por sua vez, contra-processou a gigante alegando abuso de influência e licenciamento superfaturado de patentes.

Aonde tudo isso vai parar, ninguém sabe. O que eu sei é que, se em algum momento nós vislumbramos uma possibilidade de a novela acabar, acredito que estávamos enganados — esse novelo ainda há de se desenrolar por muitos quilômetros até que encontremos algum resquício de solução.

via MacRumors

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Modo Retrato em animais no iPhone XR

App Halide permitirá usar o Modo Retrato do iPhone XR em objetos e animais [atualizado: saiu!]

Próximo Artigo
1 Second Everyday

Promoções do dia na App Store: 1 Second Everyday, Milkmaid of the Milky Way, Sunless Sea e mais!

Posts Relacionados