O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Desenvolvedores

Estudantes brasileiros criam apps focados em Mal de Parkinson, empoderamento feminino e mais!

Pouco a pouco, o desenvolvimento de apps para iOS vai ganhando espaço em universidades e institutos de ensino superior no Brasil. Nesse sentido, uma das iniciativas mais interessantes é o Programa de Formação para Desenvolvimento iOS da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio). Recentemente, alunos que participaram do projeto colocaram na App Store algumas das suas criações.

Publicidade

O grupo de jovens — que inclui alunos da PUC, do Instituto Militar de Engenharia (IME) e da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) — trouxe utilitários e apps informativos cobrindo uma série de assuntos e segmentos: temos aqui criações relacionadas ao Mal de Parkinson, à educação musical, ao empoderamento feminino e até mesmo… um jogo. 😛

Dois dos apps já estão disponíveis na App Store.


Desculpe, app não encontrado.

Publicidade

Um deles é o Fisio Adventure, destinado a ajudar pessoas que fazem sessões de fisioterapia e especialmente quem sofre do Mal de Parkinson.

O aplicativo torna a sequência de exercícios mais divertida e envolvente ao permitir que o usuário escolha um tema (como “Deserto dos Faraós”) e siga instruções em áudio com desafios e objetivos. O aprendizado de máquina reconhece os movimentos realizados pelo usuário (basta usar uma braçadeira para acoplar o smartphone ao seu braço), e os dados do exercício são exportados para o app Saúde (Health) no final da sessão.


Ícone do app Ping Song
Ping Song de Pedro Ferraz
Compatível com iPhones
Versão 1.0.1 (19.8 MB)
Requer o iOS 11.0 ou superior
GrátisBadge - Baixar na App Store Código QR Código QR
Screenshot do app Ping SongScreenshot do app Ping SongScreenshot do app Ping SongScreenshot do app Ping SongScreenshot do app Ping SongScreenshot do app Ping Song

O outro aplicativo já disponível é o Ping Song, que testa sua audição com um jogo baseado na mecânica do tênis de mesa. Você pode jogar sozinho ou com um amigo, e basta reconhecer e reproduzir as notas tocadas para ganhar pontos ou vencer seu oponente — e, ao mesmo tempo, treinar os ouvidos.

Em breve, teremos também o jogo In Hell, com base na Divina Comédia, de Dante, e apps como o Chá das 5 e o Me Acompanha, desenvolvidos por equipes femininas e destinados a levar um espaço seguro para as mulheres — seja no ambiente digital, com um fórum de conversa anônimo apenas para mulheres (como é o caso do primeiro) ou no ambiente real, com um sistema que une mulheres indo para o mesmo local e reforçando a segurança delas.

Muito bacana, não? Parabéns pela iniciativa, pessoal! 👏🏼

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Mulher usando um iPhone

Os 5 artigos mais lidos no MacMagazine: de 5 a 12 de maio

Próximo Artigo
Homem mostrando AirPod

Estão deixando AirPods caírem em trilhos de metrô numa frequência preocupante

Posts Relacionados