O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Steve Wozniak diz que Apple já deveria ter se dividido “há muito tempo”

Steve Wozniak

Ah, Woz. O jeito meio fanfarrão e sem papas na língua do cofundador da Apple pode não agradar todo mundo, mas uma coisa é certa — quando ele fala, é importante ouvi-lo, nem que seja para discordar dele. Sua estatura tecnológica, afinal, é inegável.

Publicidade

Em uma entrevista recente à Bloomberg, o cofundador da Apple falou sobre alguns assuntos que têm girado em torno da empresa em tempos recentes, como o poder quase imensurável (para não dizer monopolístico) das grandes empresas de tecnologia e a influência do setor de serviços na empresa.

Big Tech

Sobre o possível monopólio que está se formando entre as cinco principais empresas de tecnologia americanas (Apple, Amazon, Google, Microsoft e Facebook), Woz declarou-se veementemente contra práticas de monopólio. Segundo ele, as gigantes podem “se safar” de muitas coisas simplesmente por seu poder, o que não deveria acontecer — e, até por isso, ele também é um defensor da divisão das companhias em empresas menores.

No caso da Apple — que Woz classifica como a melhor das gigantes simplesmente por “se importar com seus usuários” —, o inventor afirmou que a divisão em empresas menores seria benéfica para o pensamento criativo.

Publicidade

Eu queria que a Apple tivesse se dividido muito tempo atrás, colocando operações independentes em locais bem distantes para que cada equipe pensasse independentemente, da forma que a HP fez na época em que eu trabalhava lá. Mas essa é só a minha opinião — eu não sou um daqueles que diz que só há um conjunto de fatos que a torna correta. Outras pessoas podem chegar a outras conclusões. Mas eu acho que a big tech ficou grande demais; é uma força poderosa demais em nossas vidas, e tirou nosso poder de escolha.

Definindo-se como um defensor de mais competitividade, Woz afirmou que a divisão das empresas favorece que novas ideias surjam com mais facilidade, o que seria benéfico para os consumidores — os quais, segundo ele, deveriam ser a prioridade absoluta sempre: “Eu sempre estou do lado do consumidor, e não do produtor”, segundo o engenheiro.

Serviços

Woz falou também sobre a guinada da Apple em direção ao setor de serviços, classificando a movimentação como positiva e necessária para que a Maçã sobreviva obedecendo às demandas do mercado.

Eu tenho muito orgulho da Apple como empresa porque nós sempre fomos capazes de realizar transições. Nós começamos com o nome Apple Computer, e conforme fomos entrando nas categorias de produtos que tinham natureza mais pessoal, tiramos o “Computer” do nosso nome. Ser flexível e capaz de mudar de acordo com as demandas do mercado é muito importante para qualquer empresa moderna que queira perseverar.

O inventor também compartilhou algumas palavras sobre o Apple Card, afirmando que o cartão de crédito físico do serviço é totalmente condizente com a linguagem e o visual da Maçã. Segundo Woz, trata-se do cartão “mais bonito” que ele já teve — e o fato de ele não ter números ajuda bastante.

Apple Watch

O engenheiro afirmou, ainda, que o relógio da Apple é, hoje, sua peça de hardware favorita no mundo, além de contribuir para que ele não aja como um “viciado” em smartphones:

Eu vou do meu computador para o Apple Watch, e quase sempre esqueço o telefone. Eu não quero ser uma daquelas pessoas que quer ser viciada […] então eu não uso o telefone para a maioria das coisas, exceto talvez assuntos urgentes.

Apesar disso, Woz disse que não usa muito a plataforma de Saúde do Apple Watch — ele reconhece a importância do recurso e o fato de que há milhões de pessoas no mundo usando-o e se beneficiando dele. Só não é a sua praia, mesmo.

Publicidade

A entrevista completa (em inglês) pode ser assistida no site da Bloomberg.

via iMore; imagem: mark reinstein / Shutterstock.com

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
ANAC

ANAC restringe embarque e despacho de modelos do MacBook Pro de 15" em voos nacionais

Próximo Artigo
Prévia do iOS 13

Novidades do iOS 13.1 beta: retorno das automações no Atalhos, novos indicadores de volume, ícones e mais!

Posts Relacionados