O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Novos iPhones expandem fatia da Apple em mercados importantes, mas não nos EUA ou na China

iPhones 11 e 11 Pro

Já sabemos que o lançamento dos iPhones 11 e 11 Pro foi um sopro de ar fresco para a Apple: os aparelhos foram bem recebidos pela crítica e pelo público, e as vendas iniciais refletiram esse sentimento positivo — colocando a Maçã numa onda de otimismo após a crise dos modelos anteriores. Pois agora a Kantar trouxe números para ilustrar essa concepção.

Publicidade

A firma de pesquisa analisou dados referentes ao terceiro trimestre de 2019, que representa apenas uma semana de vendas dos novos iPhones — ainda assim, o importante é analisar as tendências apresentadas pelos números. De acordo com a Kantar, a Apple ganhou terreno em vários mercados importantes no período: sua fatia de mercado cresceu 10,3% no Japão (para 39,9%) e 4,1% na Austrália (para 39,6%).

A Maçã também viu saltos — menores — nos cinco principais mercados da Europa: Alemanha, Espanha, França, Itália e Reino Unido. Considerando a média dos cinco países, a Apple viu um crescimento de 2%, conquistando 18,9% de market share.

Apesar disso, a Apple perdeu terreno nos mercados mais importantes do mundo: Estados Unidos e China. Na sua terra natal, a Maçã caiu 2%, enquanto no País da Muralha o share teve uma queda de 1,3%. Lá do outro lado do mundo, é fácil explicar a descida: os consumidores chineses estão adotando, cada vez mais, uma posição de preferência por fabricantes locais, especialmente após o início da guerra comercial do país com os EUA. A Apple certamente terá de ser criativa se quiser manter sua fatia no país mais populoso do mundo.

Publicidade

Apesar disso, a Kantar classificou o lançamento dos novos iPhones como extremamente bem-sucedido:

O terceiro trimestre de 2019 viu a Apple lançar a família do iPhone 11, e com apenas uma semana de disponibilidade, os novos modelos representaram 7,4% das vendas totais de iPhones no período. No mesmo período do ano passado, o lançamento dos iPhones XR/XS representou 6,6% das vendas totais dos smartphones.

Os novos modelos estão todos vendendo bem, com o iPhone 11, de preço mais moderado, liderando em termos absolutos — mas os modelos Pro não estão muito atrás. As vendas combinadas dos novos produtos estão em alta se comparadas com o lançamento do iPhone XS no ano passado.

Vamos ver, então, como essa situação ficará nos próximos meses.


iPhone 11

Botão - Comprar agora

iPhone 11

de Apple

Preço à vista: a partir de R$ 4.499,10
Preço parcelado: em até 12x de R$ 416,58
Cores: branca, preta, verde, amarela, roxo e (PRODUCT)RED
Capacidades: 64 GB, 128GB ou 256 GB
Lançamento: setembro de 2019


iPhone 11 Pro e 11 Pro Max

Botão - Comprar agora

iPhone 11 Pro e 11 Pro Max

de Apple

Preço à vista: a partir de R$ 6.299,10
Preço parcelado: em até 12x de R$ 583,25
Cores: cinza-espacial, prateada, verde meia-noite e dourada
Capacidades: 64 GB, 256 GB ou 512 GB
Lançamento: setembro de 2019

via 9to5Mac

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Blox 3D Junior

Promoções do dia na App Store: Blox 3D Junior, Oceanhorn, Pixelmator Pro e mais!

Próximo Artigo
Lee Pace e Jared Harris

"Fundação" encontra seus protagonistas; CEO da Disney não está preocupado com o preço do Apple TV+

Posts Relacionados