Newton Mail

A esse ponto, o Newton Mail já pode virar personagem de um gibi da Marvel: o cliente de emails já morreu e voltou do além mais vezes do que o Capitão América ou Jean Grey combinados.

Publicidade

O aplicativo (que inicialmente chamava-se CloudMagic, assim como a sua desenvolvedora original) teve sua primeira morte decretada em agosto de 2018, quando seus criadores afirmaram que não havia sentido em manter um serviço de email pago com tantos concorrentes gratuitos oferecendo quase o mesmo conjunto de recursos. Meses depois, entretanto, o improvável aconteceu: a CloudMagic foi adquirida pela Essential, e o Newton Mail (junto com seu parceiro, o Newton Calendar) retornou à App Store.

O problema era que a própria Essential estava mal das pernas: a ambiciosa empresa de Andy Rubin até tentou, mas jogou a toalha e anunciou o encerramento das suas atividades — Newton incluso — em fevereiro passado. Seria esse o fim definitivo do intrépido cliente de emails? Todos pensaram que sim… até que chegaram os desenvolvedores Maitrik Kataria e Justin Mitchell:

Como uma fênix, o Newton ressurge novamente — e merecidamente. A comunidade do Newton sempre foi apaixonada, perseverando no suporte aos apps e pedindo que o serviço fosse mantido vivo. Não há muitos produtos que reúnem tanto amor e adulação.

Os desenvolvedores, descritos simplesmente como “fãs” do Newton Mail, anunciaram ter comprado o cliente das mãos da Essential — de fato, eles já tinham tentado adquirir o software na época da primeira morte, mas acabaram sendo ultrapassados pela empresa de Rubin. Agora, o Newton está nas mãos de pessoas que realmente se importam com o seu desenvolvimento (ou assim esperamos, ao menos).

Publicidade

Segundo os novos donos, o Newton continuará funcionando como de costume, com aplicativos para macOS, iOS/iPadOS, Android e Windows, e seguirá custando os usuais US$50 por ano (com direito a um período de testes de 14 dias). Para manter a base já conquistada, os desenvolvedores oferecerão três meses gratuitos para usuários pagantes do serviço; pessoas que já utilizaram o Newton e cancelaram a assinatura ganharão 20% de desconto na renovação. Você também pode indicar o Newton a um amigo e ganhar os três meses gratuitos, enquanto ele ganhará os 20%.

A nova equipe do serviço fará, também, alguns ajustes nos apps: inicialmente, haverá um esforço para corrigir bugs e melhorar a comunicação da equipe de suporte com os clientes. A fase seguinte, ao longo dos próximos seis meses, será focada em levar novos recursos aos aplicativos do serviço, como um Modo Escuro próprio; os desenvolvedores também desenvolverão uma nova política de privacidade que respeite as regras do RGDP e dê mais controle aos usuários em relação aos seus dados.

Kataria e Mitchell admitem que eles não são uma “empresa de capital de risco bem financiada” — ou, em outras palavras, que eles não estão operando com o cofre cheio de dinheiro para resistir a uma eventual debandada de usuários. Ainda assim, é bom ver um serviço tão amado por seu público ganhar mais uma chance; fica a torcida para que, dessa vez, as coisas deem certo.


Ícone do app Newton Mail - Email App

Newton Mail - Email App

de CloudMagic, Inc.

Compatível com iPadsCompatível com iPhones
Versão 10.0.53 (219.4 MB)
Requer o iOS 10.0 ou superior

Ícone do app Newton - Supercharged emailing

Newton - Supercharged emailing

de CloudMagic, Inc.

Compatível com Macs
Versão 10.0.51 (23.3 MB)
Requer o macOS 10.12 ou superior

via Engadget

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…