O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Apple TV+ em MacBook Pro e iPhone
Halfpoint / Shutterstock.com

Bloomberg: Apple TV+ tem 10 milhões de assinantes e poderá ganhar produções não-originais

O Apple TV+ foi lançado há pouco mais de seis meses e, desde então, a plataforma de streaming de vídeos da Maçã tem crescido com a ajuda de conteúdos originais (alguns bastante aclamados) e pelo fato de a Maçã disponibilizar um ano gratuito do serviço para aqueles que adquirirem um novo Mac, iPhone, iPad, iPod touch ou Apple TV.

Publicidade

Contudo, ainda não se tinham informações de como a base de assinantes do Apple TV+ estava crescendo — até agora. Além disso, veremos que a companhia poderá deixar de mão de criar um catálogo composto exclusivamente por produções originais e que já estaria adquirindo títulos antigos para rivalizar com outras gigantes do streaming, como a Netflix.

Também vamos conferir, mais à frente, que a Apple adquiriu os direitos de documentário sobre “um dos maiores golpes da história do governo americano”, além de uma novidade sobre a produção “Defending Jacob”.

Assinantes e produções não-originais

Como dissemos, o Apple TV+ vem se expandindo sem muita euforia, mas uma nova reportagem da Bloomberg1 chacoalhou esse processo letárgico.

Segundo fontes (anônimas) internas, a Apple estaria adquirindo filmes e programas (não-originais) mais antigos para a sua plataforma de streaming, algo que vai de encontro com a filosofia inicial do serviço. Essas pessoas também disseram que a Maçã pretender continuar focando em produções originais e que ainda não teria adquirido “grandes franquias ou blockbusters para seu catálogo”.

Publicidade

Para a Bloomberg, essa atitude (inesperada) teria como objetivo criar um catálogo de conteúdo que possa ser melhor comparado às enormes bibliotecas da Netflix, do Hulu e da Disney.

De acordo com Benjamin Mayo, do 9to5Mac, essa mudança na estratégia da Maçã pode ter sido um reflexo do número de assinantes Apple TV+. Ainda segundo as informações da Bloomberg, o serviço teria alcançado 10 milhões de assinantes em fevereiro passado — mas só metade desse total estaria usando ativamente a plataforma.

Esta é uma grande mudança o para TV+. Até recentemente, na reunião anual de acionistas da Apple, em 26 de fevereiro, Tim Cook disse: “O Apple TV+ é sobre conteúdo original. Não parece certo que a Apple simplesmente saia e faça uma reprise.”

Eu sempre disse que a Apple pode lançar originais e ficar bem, mas isso leva tempo. Se você tem menos paciência e deseja obter números de assinantes mais rapidamente, é necessário comprar conteúdos existentes. Então, quem sabe eles tenham se assustado com “apenas” 10 milhões de usuários?

Em comparação com outros serviços, a Apple de fato fica para trás: enquanto o Disney+ já possui 50 milhões de assinantes, a Netflix ganhou novos 16 milhões de usuários somente no primeiro trimestre deste ano (e tem hoje cerca de 183 milhões ao todo).

Documentário dos criadores de “McMillion$”

A Apple adquiriu os direitos para produzir uma série documental de quatro partes que será dirigida por Brian Lazarte e James Lee Hernandez, conhecidos pela produção “McMillion$”, da HBO. As informações são do Deadline.

Brian Lazarte e James Lee Hernandez

Ainda não há muitas informações sobre a produção (incluindo o nome), mas se sabe que o documentário contará a “história verdadeira e inacreditável de um dos maiores golpes da história do governo americano” — ou seja, certamente valerá a pena esperar.

“Defending Jacob” era para ter sido um filme

O criador, produtor e showrunner da série “Defending Jacob”, Mark Bomback, revelou ao Deadline que a produção, inicialmente, era para ter tornado um filme. Como muitos devem saber, o drama é baseado no livro homônimo, lançado em 2012.

Série "Defending Jacob"

Justamente por isso, Bomback inferiu que a equipe optou por criar uma série devido à necessidade de fazer jus ao livro original.

Eu recebi o projeto pela Anonymous Content, com a ideia de que seria um filme. Comecei a lê-lo e imediatamente fiquei pensando que seria uma batalha transformá-lo num filme, esse não é o tipo de longa que você realmente faz mais. Não de uma maneira que faria jus [ao projeto].

Percebendo esse potencial, Bomback entrou em contato com a produtora e disse que não estava interessado em criar uma versão cinematográfica, mas que “adoraria fazer uma versão seriada”.

Publicidade

Os seis primeiros episódios de “Defending Jacob” estão disponíveis no Apple TV+, com lançamentos ocorrendo semanalmente, às sextas-feiras.

Vídeo de “Helpsters”

A Maçã disponibilizou mais um vídeo educativo com os personagens da série infantil “Helpsters” e a cantora Santigold. Veja só:

Confira os mini-tutoriais passados aqui. Os episódios da primeira temporada de “Helpsters” estão disponíveis no Apple TV+.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior

Usuários não estão conseguindo visualizar todos os novos mostradores "Orgulho" no watchOS 6.2.5 [atualizado]

Próximo Artigo
iPhone 11

Apple lidera nova pesquisa de satisfação, mas Samsung tem os smartphones mais bem avaliados

Posts Relacionados