Apple recebe 17 indicações ao Daytime Emmy Awards; especial de “Mythic Quest” angariou US$600 mil para combater a COVID-19 A Maçã produzirá, ainda, uma série sobre o infame blog Gawker

Mais um dia, mais uma leva de notícias sobre o Apple TV+!

Publicidade

Vamos a elas?

Daytime Emmy Awards

Já começamos com um motivo para comemorações em Cupertino: as séries do Apple TV+ receberam, coletivamente, 17 indicações aos Daytime Emmy Awards de 2020 — mais do que a HBO, a Hulu ou o YouTube.

Daytime Emmy Awards

Os Daytime Emmy Awards, vale notar, são diferentes dos Primetime Emmy Awards (que são considerados os Emmys “mais prestigiados”). A diferença entre ambos é que o primeiro trata da programação diurna da TV, enquanto o segundo premia séries e reality shows do horário nobre.

A distinção, claro, não funciona para uma plataforma de streaming como o Apple TV+, mas os Daytime Emmy Awards premiam séries mais leves e indicadas para todos os públicos, enquanto os Primetime Emmy Awards têm como foco os “medalhões” do serviço, com indicação adulta.

Publicidade

Das séries do Apple TV+, “Ghostwriter” foi a que recebeu mais indicações — oito no total, incluindo Fotografia, Roteiro e Direção de Programa Infantil. “Helpsters” recebeu cinco indicações, incluindo Melhor Série Infantil Pré-Escolar; “Snoopy in Space”, por sua vez, ficou com quatro nomeações.

A premiação dos Daytime Emmy Awards será transmitida no dia 26 de junho, num formato adaptado para o período de isolamento social — os vencedores serão anunciados remotamente, com participações especiais de estrelas do audiovisual também diretamente das suas casas.

Arrecadação do episódio especial de “Mythic Quest”

falamos aqui (duas vezes) sobre o episódio especial de “Mythic Quest: Raven’s Banquet”, filmado com iPhones diretamente das casas das estrelas da série. Além de dar prosseguimento à narrativa, o episódio também teve um caráter beneficente — e que rendeu um bom engajamento do público, pelo visto.

Divulgação de "Mythic Quest: Ravens Banquet"

Em entrevista à Variety, o criador e astro da série, Rob McElhenney, afirmou que o episódio angariou US$300 mil em doações para o fundo de combate à COVID-19 da Mercy Corps. McElhenney e sua esposa, então, dobraram a quantia e entregaram US$600 mil, no total, à iniciativa.

Excelente, não?

Série sobre o blog Gawker

Enquanto isso, parece que a Maçã está desenvolvendo uma nova produção nos seus porões do audiovisual: uma série sobre o infame blog Gawker, que por 13 anos foi um dos principais portais de fofocas e notícias sobre o mundo da mídia — até ser encerrado em 2016 por problemas financeiros decorrentes do pagamento de uma indenização milionária.

De acordo com a Vanity Fair, a série foi concebida por dois ex-redatores do Gawker, Max Read e Card Jefferson; eles apresentaram o projeto à Apple e, com o sinal verde da empresa, estão escrevendo os episódios junto a outros ex-empregados do site. Ainda não há mais informações sobre a produção, mas… pode sair algo interessante daí, hein?

“Helpsters Help You”

Por fim, temos mais um episódio da minissérie do YouTube “Helpsters Help You”, no qual Cody — personagem da série infantil “Helpsters” — ajuda crianças a lidarem com seus sentimentos e problemas do dia a dia.

Em “How To Be Together” (“Como Estar Junto”), ela dá dicas de como os pequenos podem se divertir em conjunto mesmo estando fisicamente separados.

Fofo, não?

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…