A Apple começou a oferecer, nesta semana, uma opção de personalização para o MacBook Pro de 16 polegadas com uma GPU AMD Radeon Pro 5600M, mais poderosa. Embora seja um upgrade extremamente caro (pelo menos R$7.000), ele certamente oferece o retorno esperado para o usuário que tirar o escorpião do bolso, como visto em benchmarks realizados pelo canal do YouTube Max Tech.

Publicidade

Como os testes mostram, a GPU 5600M é notavelmente mais rápida que a 5500M (de 4GB), que vem por padrão do modelo topo-de-linha — e ainda mais veloz do que a 5300M do modelo de entrada. Segundo a Apple, o aumento no desempenho pode ser de até 75% e, embora isso nem sempre seja exatamente verdade, a diferença é, de fato, significativa.

Em alguns benchmarks e jogos, por exemplo, a nova GPU 5600M é quase duas vezes mais rápida que a 5300M. O que é ainda mais impressionante, porém, é que a 5600M é capaz de vencer a Vega 56 que equipa o iMac Pro — dadas as restrições de energia e ventilação do MacBook Pro em comparação com o desktop.

Numericamente, enquanto o MacBook Pro de 16″ equipado com a nova placa 5600M obteve 43.144 pontos nos testes Metal do Geekbench 5, o modelo equipado com a 5500M (de 8GB) atingiu 28.748 pontos. Já a versão de entrada (com uma 5300M de 4GB) obteve 21.328 pontos no mesmo teste, o que é basicamente a metade do desempenho da nova GPU.

Publicidade

Na prática, esse ganho de desempenho é refletido, principalmente, em tarefas gráficas intensas. No benchmark Heaven, por exemplo, a GPU 5300M alcança apenas 38,4 quadros por segundo nas configurações mais parrudas, enquanto a versão 5500M obteve 51,1qps e a nova placa 5600M chegou a 75,5qps — novamente, praticamente o dobro do desempenho do modelo de entrada.

A nova GPU 5600M também renderiza vídeos em 4K, no Final Cut Pro, mais rapidamente — mas os resultados finais não foram tão diferentes entre os modelos. Um vídeo 4K foi exportado em 3 minutos e 36 segundos com a 5300M; em 3 minutos e 21 segundos com a 5500M; e em 3 minutos e 3 segundos com a nova 5600M. A nova GPU, nesse caso, foi portanto apenas 15% mais rápida que a de entrada.

Além da memória HBM2 de 8GB, mais rápida, a GPU 5600M também vem com 40 núcleos computacionais, o que também contribui para um desempenho excepcional. Todo esse poder porém, é mais útil para profissionais que trabalham com tarefas de edição ou softwares gráficos, sendo que as versões de entrada e topo-de-linha (com as configurações padrão) certamente já dão conta de maior parte do recado para os usuários médios.


Botão - Comprar agora

MacBook Pro de 16″

de Apple

Preço à vista: a partir de R$21.689,10
Preço parcelado: em até 12x de R$2.008,25
Cores: cinza espacial ou prateado
Lançamento: 2019

via 9to5Mac

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…