Kuo: Apple poderá lançar MacBook Air com Apple Silicon este ano e Pros de 14″ e 16″ em 2021

MacBooks Air e Pro

Mesmo antes da WWDC20, quando a Maçã apresentou oficialmente o Apple Silicon (seu chip que equipará futuros Macs), muito se fala sobre quais serão os primeiros modelos a ganhar os novos processadores. Entre os rumores, especula-se que o MacBook Pro será o primeiro dessa nova linhagem — o que poderá acontecer ainda neste ano, como ventilado por Ming-Chi Kuo.

Publicidade

Agora, o analista da TF International Securities colocou ainda mais em perspectiva: segundo ele, também é esperado que um MacBook Air com Apple Silicon entre em produção junto ao já comentado MacBook Pro, com um possível lançamento também previsto para este ano ou, no mais tardar, primeiro trimestre de 2021.

Ainda de acordo com Kuo, a Apple poderá lançar uma linha redesenhada do MacBook Pro com versões de 14 e 16 polegadas. Vale lembrar que já era esperado uma atualização do design do modelo de 13″ neste ano (seguindo os passos do MBP de 16″, lançado no fim de 2019), porém, segundo Kuo, isso teria ficado mesmo para 2021 — o que vai ao encontro do que a TrendForce apontou nesta semana.

Prevemos que a Apple lançará novos modelos de MacBooks, incluindo o novo MacBook Pro de 13,3″ com Apple Silicon no quarto trimestre de 2020. O novo MacBook Air equipado com o chip da Apple poderá ser lançado no quarto trimestre de 2020 ou no primeiro de 2021, enquanto os novos modelos de 14″ e 16″ do MacBook Pro com Apple Silicon e novo design ficariam para o final do segundo trimestre de 2021 ou começo do terceiro.

Diferentemente do que havia sugerido no mês passado, Kuo disse que os custos dos Macs com Apple Silicon poderão reduzir, permitindo à Apple abaixar o preço de entrada dos MacBooks, principalmente do Air. Contudo, o analista ressalta que não tem conhecimento sobre os planos de marketing da companhia e dos preços de mercado que ela poderá praticar.

Publicidade

Kuo não falou, entretanto, sobre o lançamento de um iMac de 24″ com chips da Intel. Como informamos, é esperado que o desktop da Maçã ganhe um novo design, mas que a implantação do Apple Silicon presumivelmente aconteça só no ano que vem.

Por fim, Kuo analisou o mercado de MacBooks e apontou para um aumento nas vendas dos notebooks da Maçã em 2021; segundo ele, a companhia poderá comercializar 18 a 20 milhões de unidades — um crescimento em relação à expectativa para este ano, que é de 16 a 17 milhões de unidades.

via 9to5Mac

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…