O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Apple doará receitas do documentário de John Lewis a museus que honram seu legado

John Robert Lewis, um dos grandes líderes do movimento por direitos civis — ele estava lá, na marcha de Selma a Montgomery — e político americano, faleceu na semana passada por conta de um câncer pancreático.

Publicidade

Em seu site, a Apple tratou de homenageá-lo, como divulgamos em nosso Instagram no último domingo:

Mas não parou por aí: hoje, em um comunicado para a imprensa, a Apple informou doará sua participação nos lucros do documentário “John Lewis: Good Trouble” ao Museu Nacional dos Direitos Civis (em Memphis, Tennessee) e ao Museu Nacional da História e Cultura Afro-americanas (em Washington, D.C.).

Não, a Apple não é dona de parte dos direitos do documentário nem tem qualquer participação na produção em si. Contudo, como muitas outras produções, “John Lewis: Good Trouble” está disponível para aluguel (nos Estados Unidos e no Canadá) na plataforma da Maçã — são esses ganhos com o aluguel do documentário que serão doados pela empresa para os museus supracitados.

Publicidade

Lisa Jackson, vice-presidente de iniciativas ambientais, políticas e sociais da Apple, afirmou que “a vida e o exemplo do representante John Lewis obrigam cada um de nós a continuar a luta pela equidade e justiça raciais”, dizendo ainda que o filme “celebra seu inegável legado, e achamos adequado apoiar duas instituições culturais que continuam sua missão de educar as pessoas em todos os lugares sobre a busca contínua por direitos iguais”.

O documentário é um relato íntimo da vida e do legado do lendário político, mostrando seus mais de 60 anos ativismo — desde o adolescente ousado na linha de frente do movimento pelos direitos civis até a potência legislativa que se tornou.

Depois que Lewis pediu ao Dr. Martin Luther King Jr. para ajudar a integrar uma escola segregada em sua cidade natal de Troy, no Alabama, King enviou “ao garoto de Troy” uma passagem de ônibus de ida e volta para se encontrar com ele.

Lewis se tornou um dos aliados mais próximos de King, liderando diversos movimentos que acabaram o colocando atrás das grades — sem falar, obviamente, nas agressões físicas recebidas durante manifestações.

“John Lewis: Good Trouble” é uma homenagem emocionante a esse herói da vida real na vanguarda de muitas batalhas duramente vencidas por mudanças duradouras.

O nome do documentário é uma referência a uma frase/citação bem famosa de Lewis — ele sempre pedia para que as pessoas se metessem em “bons problemas”.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Tutorial do Mac Catalyst

Apple lança “cursos” completos sobre Mac Catalyst e SwiftUI no seu portal para desenvolvedores

Próximo Artigo
App Buscar (Find My)

Rastreadores integrados ao app Buscar terão sérias restrições de funcionamento

Posts Relacionados