Tim Cook entra para o clube dos bilionários

Tim Cook

Se tornar um bilionário no meio de uma pandemia não é algo digno de comemoração, mas está aí: segundo informou a Bloomberg1, o CEO2 da Apple entrou para esse seleto grupo.

Publicidade

Isso porque, como nós comentamos nas últimas semanas, as ações da Apple estão batendo recorde atrás de recorde e a empresa está bem próxima de se tornar a primeira com um market cap de US$2 trilhões.

A estimativa do patrimônio líquido de Tim Cook foi feita pelo Bloomberg Billionaires Index, com base na análise de documentos regulatórios. Ele hoje tem 847.969 ações da Apple (cerca de 0,02% da empresa) as quais atualmente valem por volta de US$375 milhões. As receitas com as vendas de ações no passado, com dividendos e com outras compensações, somam cerca de US$650 milhões.

Somando tudo isso, ultrapassamos a casa de US$1 bilhão — sem falar na nova bolada que ele receberá no fim deste mês (560.000 novas ações da Apple), que deverá aumentar o seu patrimônio líquido em mais uns US$100 milhões. 💰

Publicidade

Ainda segundo a Bloomberg, tal feito é raro para um CEO que não fundou a empresa a qual comanda. Mas veja que, mesmo com essa bela grana no bolso, Cook não faz parte da lista das 500 pessoas mais ricas do mundo, liderada por Jeff Bezos (CEO da Amazon) e por Bill Gates (ex-CEO da Microsoft). 🤑

O chefão da Apple, porém, já deixou claro numa entrevista para a Fortune que planeja doar toda a sua fortuna — pensamento este compartilhado por outras personalidades como Laurene Powell Jobs, Bill Gates, Warren Buffett, Mark Zuckerberg, entre outros.

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…