O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

Smartphones ficam mais caros na pandemia, mas alguns iPhones caem de preço

Se você quer trocar de aparelho, talvez seja bom aguardar alguns meses
Caixas dos iPhones 11 e 11 Pro
NYC Russ / Shutterstock.com

Quem andou pesquisando preços de smartphones durante os últimos meses certamente notou que, no geral, o mercado deu um pequeno salto nos valores médios de venda — muito por conta, claro, do cenário de fragilidade instaurado pela pandemia do novo Coronavírus (COVID-19) e da alta assustadora do dólar desde o início do ano.

Publicidade

Pois recentemente, em parceria com o TechTudo, o comparador de preços Zoom fez um levantamento com alguns dos modelos mais populares do Brasil para determinar se essa impressão é mantida na fria dureza dos números ou se somos nós que estamos ficando mais pobres, mesmo (ou… ambos). O resultado: sim, os smartphones em geral estão mais caros, mas ao menos dois modelos de iPhones viram seu valor médio diminuir.

A tabela abaixo traz um histórico do preço médio, entre janeiro e junho, dos aparelhos mais buscados no Zoom. Em seguida, o valor médio foi comparado ao preço dos produtos no mês de julho; como é possível notar, apenas dois modelos de iPhone — o XR e o 8 Plus, ambos de 64GB — tiveram queda nesse valor médio (de 7% e 9%, respectivamente)

O iPhone 11 de 64GB, por sua vez, subiu de preço: do valor médio de R$3.622,55 obtido no primeiro semestre, o aparelho saltou para R$4.096,07 em julho — alta de 13%. Os demais smartphones da lista (cinco aparelhos da Samsung e dois da Motorola) também ficaram mais caros, com altas entre 3% e 19%.

Publicidade

Vale notar que a lista do Zoom excluiu modelos da Xiaomi, muito populares no Brasil — isso porque a marca tem grande presença no mercado paralelo, com importações não-oficiais e até mesmo casos de descaminho, o que acaba causando um descompasso no cálculo de preço médio de venda em canais consolidados.

No geral, a lição que fica é: se você não tiver urgência, é bom esperar mais alguns meses antes de trocar de aparelho para ver como o mercado se comportará nos próximos tempos. Isso, claro, torcendo para que o dólar não bata os dez reais. 😜


iPhones 12 Pro (miniatura)
iPhones 12 Pro e 12 Pro Max de Apple Preço à vista: a partir de R$9.899,10
Preço parcelado: em até 12x de R$916,58
Cores: grafite, prateada, dourada e azul-pacífico
Capacidades: 128GB, 256GB ou 512GB
Lançamento: outubro de 2020

iPhones 12 mini e 12 roxo
iPhones 12 mini e 12 de Apple Preço à vista: a partir de R$5.129,10
Preço parcelado: em até 12x de R$474,92
Cores: branca, preta, azul, verde, roxa e (PRODUCT)RED
Capacidades: 64GB, 128GB ou 256GB
Lançamento: outubro de 2020

iPhone XR em pé
iPhone XR de Apple Preço à vista: a partir de R$4.499,10
Preço parcelado: em até 12x de R$416,58
Cores: branca, preta, azul, amarela, coral e (PRODUCT)RED
Capacidades: 64GB e 128GB
Lançamento: setembro de 2018

iPhone SE
iPhone SE de Apple Preço à vista: a partir de R$3.329,10
Preço parcelado: em até 12x de R$308,25
Cores: preta, branca ou (PRODUCT)RED
Capacidades: 64GB, 128GB ou 256GB
Lançamento: abril de 2020

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Maxell

EUA investigarão possível infração de patentes da Maxell pela Apple

Próximo Artigo
Apple Oakridge Center

Loja da Apple em Vancouver fechará para reformas e reabrirá somente em 2024

Posts Relacionados