O melhor pedaço da Maçã.
MM News

Receba os nossos principais artigos diariamente, por email.

iPhone 12 Pro deitado na cor azul pacífico

iPhones 12 dos EUA funcionarão nas redes 4G/5G do Brasil

A Apple lançou hoje os iPhones 12 mini, 12, 12 Pro e 12 Pro Max. Apesar de a grande novidade ser o suporte a redes 5G, por aqui no Brasil isso não importa muito nesse momento, afinal a implementação da tecnologia ainda está engatinhando.

Publicidade

O que interessa nesse caso, então, é: os iPhones americanos (mais fáceis de serem importados para o Brasil) são compatíveis com as nossas redes 4G? E a resposta, felizmente, é: sim!

São quatro(!) modelos diferentes para cada aparelho lançado, conforme podemos ver nessa página:

  • iPhone 12 mini: A2172, A2402, A2403 e A2404
  • iPhone 12: A2176, A2398, A2399 e A2400
  • iPhone 12 Pro: A2341, A2406, A2407 e A2408
  • iPhone 12 Pro Max: A2342, A2410, A2411 e A2412

E a Apple dividiu assim: os primeiros modelos são destinados ao mercado americano; os segundos, ao Canadá e ao Japão; os terceiros são os mais “globais”, com disponibilidade na América Latina, na Europa e na Ásia; já os quartos são basicamente exclusivos para China, Hong Kong e Macau.

Publicidade

Focando na tecnologia 4G, *todos* esses modelos são compatíveis com as bandas/frequências usadas pelas operadoras brasileiras (inclusive as menos utilizadas). São elas: 1 (2.100MHz), 3 (1.800MHz), 5 (850MHz), 7 (2.600MHz) e 28 (700MHz APT). Resumindo: todos os aparelhos vendidos pela Apple são compatíveis com o 4,5G aqui no Brasil.

Também não há com o que se preocupar caso você compre um iPhone importado: como sabemos, mesmo que você adquira um modelo americano (o qual será diferente do homologado/comercializado no Brasil), a Apple oferece suporte/garantia por aqui caso alguma coisa aconteça com ele. 😉

E o 5G?

Ainda que não seja uma realidade no Brasil, um dia o 5G será implementado por aqui. E a boa notícia é que os iPhones americanos também serão compatível com elas.

Como informou o Tecnoblog, os modelos que serão vendidos no Brasil (A2403, A2399, A2407 e A2411) suportam as bandas n1 (2100), n3 (1800), n5 (850), n7 (2600) e n28 (700), que são as licenciadas para as operadoras brasileiras e atualmente utilizadas nas redes 2G, 3G, 4G e 5G DSS. Eles também trazem compatibilidade para as frequências de 2,3GHz e 3,5GHz — n40 (2300), n77 (3700) e n78 (3500) —, as quais serão leiloadas pela Anatel em 2021.

Publicidade

Essas mesmas bandas são suportadas também pelos modelos americanos dos iPhones 12 mini, 12, 12 Pro e 12 Pro Max. Na verdade, falando de 5G, os iPhones americanos são os mais completos, já que eles são os únicos que suportam a tecnologia mmWave. Contudo, esse suporte está restrito aos EUA; no resto do mundo, os novos iPhones funcionarão apenas no 5G sub-6GHz.

As frequências de ondas milimétricas trazem altíssimas velocidades; por outro lado, contam com uma penetração/um alcance de sinal ruim. Desta forma, elas são ideais para serem implementadas em locais com alta concentração de pessoas (estádios, aeroportos e shoppings), porém inadequadas para cidades de uma forma geral.

Ver comentários do post

Carregando os comentários…
Artigo Anterior
Produtos Apple (sistema operacionais em versão beta)

Terceiras versões beta do iOS 14.2, do iPadOS 14.2, do watchOS 7.1 e do tvOS 14.2 são liberadas

Próximo Artigo
iPhones 11 e 11 Pro

Apple descontinua iPhones 11 Pro e 11 Pro Max, mas mantém SE, XR e 11

Posts Relacionados