Huawei lança linha Mate 40, ainda sem apps do Google

A Huawei apresentou hoje seus novos aparelhos que concorrerão no acirrado mercado de smartphones pelo próximo ano: o Mate 40, o 40 Pro e o 40 Pro+.

Publicidade

Assim como a linha Mate 30, apresentada no ano passado, os novos dispositivos não contam com nenhum serviço/app do Google, incluindo a loja de aplicativos da empresa, o Google Play. Isso acontece devido às restrições impostas pelo governo dos Estados Unidos sobre a fabricante chinesa.

No lugar, a Huawei apresentou o EMUI 11, seu software baseado na versão aberta do Android 10, o qual possui uma interface remodelada, novos recursos de privacidade, segurança e ferramentas de inteligência artificial.

Design

Com aproximadamente o mesmo tamanho que o Galaxy Note20 Ultra 5G, o Mate 40 Pro e o 40 Pro+ possuem uma tela OLED1 de 6,76 polegadas curva em ambos os lados; já o Mate 40 possui um display ligeiramente menor, de 6,5 polegadas.

O Mate 40 Pro adota o mesmo design geral da maioria dos outros telefones da Huawei, incluindo o P40 Pro e o 30 Pro. Os alto-falantes (com som estéreo) estão localizados na parte superior/inferior dos dispositivos, junto ao slot para cartão SIM e à porta USB-C.

Huawei Mate 40

O Mate 40 Pro tem uma nova cor (Mystic Silver) que reflete uma tonalidade iridescente de acordo com a posição e a incidência de luz sobre ele.

Câmeras

Na frente, as três versões também são equipadas com uma câmera selfie de 13MP, com adição de um sensor facial e de gestos nos modelos 40 Pro e 40 Pro+ (além de sensor de impressão digital sob a tela).

Sensor da câmera frontal do Huawei 40

Todos os modelos contam com uma câmera principal de 50MP cujo sensor, segundo a Huawei, é o maior já usado em um celular — o que promete um bom desempenho em cenas com pouca luz.

Na parte traseira, o Mate 40 Pro+ dispõe, ainda, de um sensor de 8MP para zoom óptico de 10x, enquanto a lente teleobjetiva de 12MP oferece ampliação de 3x. Um sensor grande angular de 20MP e outro de profundidade completam o sistema de câmera no flagship.

Huawei Mate 40 Pro+

Já o Mate 40 Pro traz uma câmera grande angular de 16MP, uma teleobjetiva com zoom óptico de 3x e sensor de 8MP, além de um sensor laser — para oferecer autofoco mais rápido e preciso.

Câmeras: Huawei Mate 40

O modelo de entrada, por sua vez, traz um conjunto mais simples, com câmera teleobjetiva de 12MP e zoom híbrido de 10x, além de uma lente grande angular de 20MP e o mesmo sensor laser do Mate 40 Pro.

Processadores e memórias

Enquanto os modelos flagship 40 Pro e 40 Pro+ contam com o processador Kirin 9000 (o primeiro modem 5G feito com litografia de 5nm), o modelo mais básico conta com uma versão identificada como Kirin 9000E.

O Kirin 9000, mais especificamente, possui oito núcleos sendo um de alta-performance, cujo clock pode atingir até 3,13GHz. Já a GPU2 é composta por um chip ARM Mali-G78 com 24 núcleos que, segundo a Huawei, é 52% mais rápido do que o Snapdragon 865+, da Qualcomm.

As principais diferenças entre o Kirin 9000 e 9000E estão na quantidade de núcleos de GPU e NPU3, com metade dos aceleradores de IA4 e dois núcleos a menos no processador gráfico.

No que tange à memória e ao armazenamento dos novos modelos, o Mate 40 Pro+ possui 12GB de RAM5, enquanto o modelo intermediário e de entrada dispõem de 8GB. Além disso, o Mate 40 possui armazenamento interno de pelo menos 128GB, enquanto os flagships possuem no mínimo 256GB — expansível com cartão de memória.

Baterias e recarga sem fio rápida

Mais do que baterias parrudas, os modelos Pro possuem, ainda, suporte a recarga rápida com e sem fio. Nesse sentido, ambos os modelos topos-de-linha contam com baterias de 4.400mAh, a qual pode ser recarregada com fio a uma potência 66W, e sem fio a até 50W.

Já o Mate 40 conta com uma célula de bateria de 4.200mAh, com opção apenas de recarga com fio a uma potência de até 40W.

Edição especial: Mate 40 RS

Huawei Mate 40 RS

A linha Mate 40 é composta, ainda, por uma edição especial: o Mate 40 RS Porsche Design. Esse modelo possui o mesmo tamanho e especificações do modelo flagship, inclusive o sistema de câmeras.

Por outro lado, ele possui um design personalizado e, naturalmente, mais requintado — além de vir com uma case temática e um design de tela inicial com a marca da Porsche.

Preços e disponibilidade

O Huawei Mate 40 estará disponível na Europa a partir de 900€ (128GB), enquanto o Mate 40 Pro custará 1.200€ (256GB). O Mate 40 Pro+, por sua vez, custará 1.400€ (256GB) e, finalmente, a versão Porsche Design está listada por 2.300€ (512GB) — esse modelo será comercializado exclusivamente na China, enquanto os outros estarão disponíveis em mais regiões.

Os novos aparelhos serão lançados em vários países até o fim do ano, mas ainda não há uma data para que eles cheguem a Portugal e nem ao Brasil.

via Engadget

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…